Fernando Machado

Blog

Azú, Licinio Dias e Ramos Pinto

O Azú Comedoria, leia-se Acácio Santos, Linda e Lou Melo, em parceria com a Licínio Dias Importação, promoveu, sexta-feira, um jantar-degustação com a participação da vinícola Ramos Pinto, uma das mais tradicionais de Portugal, fundada há 135 anos. Para apresentar o terroir do Velho Mundo, estava lá o enólogo Jorge Rosas, um dos herdeiros da Ramos Pinto Vinhos e responsável pelo setor de exportação. Seis vinhos foram apresentados durante o evento, aberto ao público enófilo. Três deles foram harmonizados com pratos elaborados pelos chefs Biba Fernandes e Jeff Colas.

f-linda-melo-acacio-santos-lou-melo

Linda Melo, Acácio Santos e Lou Melo (Foto: Fernando Machado)

Um dos rótulos, o Duas Quintas reserva branco foi servido com uma criação do chef Biba, um peixe grelhado com camarões e anéis de lula sobre bolinho de macaxeira recheado com queijo coalho e molho de ostra com shiitake. Jeff Colas assinou duas receitas no ritual de harmonização: o filé mignon Café Paris, tornedor de mignon grelhado em manteiga especial da casa, acompanhado de legumes frescos cozidos a vapor, prato que chega à mesa com uma taça do vinho Duas Quintas reserva tinto.

f-jorge-rosas-carol-licinio-dias

Jorge Rosas, Carol e Licínio Dias (Foto: Fernando Machado)

E finalmente a sobremesa, Crêpe Suzette, assinada Jeff Colas, massa de crepe com raspas de laranja, calda de redução de suco de laranja e açúcar demerara com bola de sorvete de creme, combinado com o vinho do Porto Adriano Ramos Pinto Reserva. O cardápio era de se comer rezando para Santa Rita de Cássia. Durante o encontro tivemos as falas de Licinio Dias e Jorge Rosas. Acácio Santos contou alguns causos. Informação importante: Dom Fernando Saburido visitou o Azú, depois de ter presidido a Missa de Ação de Graças no Cabanga, e foi muito festejado.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.