Fernando Machado

Blog

Um Municipal inesquecível o de 1961

Por conta do Baile Municipal de ontem cvou recordar o passado. Eu não participei do I Baile Municipal do Recife que aconteceu na noite de 10 de fevereiro de 1961, no Clube Internacional, mas o curti muito nas páginas da revista Manchete. A idéia do baile partiu do jornalista Alexandrino Rocha com o objetivo de disputar com o Baile do Galo, que era realizado no Clube Português de Salvador, as páginas das revistas O Cruzeiro e Manchete.


Zayra Pimentel, Lourdes Oliveira e Lea Garcia (Foto: Fundaj)

O então prefeito do Recife, Miguel Arraes, ficou meio receoso com a idéia, mas aceitou o desafio desde que fosse para divulgar o frevo. A prévia resultou num sucesso colossal com a participação do nosso high society, a rigor. O anfitrião foi o vice-prefeito Arthur Lima Cavalcanti, que na ocasião lançou em parceria com Maximiliano Campos, o frevo Serpentina Partida. O motivo da ausência de Miguel Arraes ao evento foi a doença da primeira-dama Célia Arraes, née Souza Leão (1924/1961)


O glamour do salão do Internacional (Foto: Fundaj)

A decoração, belíssima, foi assinada por Lula Cardoso Ayres e para as danças tocou a inesquecível orquestra de Nelson Ferreira. Tivemos também um concurso de fantasias. A mais rica foi a de Ana Maria Ramiro Costa Caldas de Elizabeth I confeccionada pelo seu irmão Marcelo Costa Caldas. O segundo lugar ficou com Mirna Botelho vestida de Princesa de Bagdá. Em originalidade ficou o grupo Canibais Guerreiros.


A Rainha Elizabeth I, Ana Maria Ramiro Costa (Foto: Manchete)

Os convidados para o Muni vieram no I Vôo do Frevo, do Rio de Janeiro, com o apoio da Vasp. Participaram do dele Rubem Braga, Fernando Sabino, Paulo Mendes Campos, José Condé, Vinicius de Moraes, Nora Nei, Marlene, Jorge Goulart, Luiz Delfino, Lea Garcia, Zélia Hoffman, Lourdes de Oliveira e Tônia Carreiro. Uma presença linda foi a da Rainha do Carnaval, Zayra Pimentel de baiana. A O Cruzeiro vacilou e foi furada e a Manchete destacou o Baile Municipal nas suas páginas.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.