Fernando Machado

Blog

Tag supranational

Deise Benicio é a Miss Brasil Supranational

Aconteceu sábado, em Brasília, a escolha da Miss Supranational Brasil de 2020, patrocinado pelo CNB, com a participação de 29 candidatas. A apresentação, fraca, foi de Juliano Crema. O resultado final ficou assim: em 5º lugar ficou Caroline Costa de São Paulo, em 4º lugar ficou Tainara Bac do Recôncavo Baiano, em 3º lugar ficou Luma Russo de Minas Gerais, em 2º lugar ficou Bruna Zanardo de Sergipe, e a vencedora foi a anfitriã Deise Benicio do Distrito Federal.

O Top 13 do concurso (Foto: Face)

Fernanda Souza coroando Deise Benício (Foto: Concurso)

No top 13 ficaram Suamy Brelaz (Amazonas), Jéssica Caroline Costa (São Paulo), Katherine Franz (Santa Catarina), Bruna Zanardo (Sergipe), Fabiana Bento (Mato Grosso), Luma Russo (Minas Gerais), Phatricia Phuérpei (Tocantins), Deise Benicio (Distrito Federal), Cristielli Camargo (Miss Vale do Rio Grande SP), Tainara Bac (Recôncavo Baiano), Elisandra Nunes (Goiás), Aline Munekata (Rio Grande do Sul) e Quéren Rocha (Maranhão).

 

Mister Chile de 2020

No dia 8 de setembro no Bar Lucky Seven do Cassino São Montecello, será realizada a final do concurso Mister Chile de 2020. Os votos poderão enviados para a direção do concurso até o dia 6 de setembro. O vencedor representará o Chile, no concurso Mister Supranational, receberá a faixa de Mario Irazzoky, Mister Chile Supranational 2019.

Mário Irazzoky, Mister Chile Supranational 2019 (Foto: Instagram)

Participam do evento Arly Ramos, 1m75 e 25 anos; Mladen Maslov, 25 anos e 1m78; Alfonso Bernal, 1m85 e 26 anos; Alfonso Elias, 1m81 e 18 anos; Emmanuel Alarcon, 1m82 e 25 anos; Andrés Moraga, 1m83 e 21 anos; Felipe Gual, 1m82 e 25 anos; José Manuel Alcalde, 1m84 e 27 anos; Ítalo Robles, 1m85 e 22 anos; e Gian Videla, 1m78 e 20 anos.

Anntonia Porsild é Miss Supranational de 2019

As candidatas quando se preparava para a coletiva de imprensa (Foto: Concurso)

Sexta-feira, no MCK International Congress Centre, em Silesia, na Polônia, aconteceu à escolha da Miss Supranational de 2019. A vencedora foi Anntonia Porsild, que tem de 22 anos de idade e 1m73 de altura, que representou a Tailândia. Participaram do concurso 77 candidatas. O melhor Traje Típico foi de Dariana Urista do México, a Miss Talento foi Namoi Huth de Singapura, a Miss Elegância foi Nathalie Yasmin da Holanda e a Miss Fotogenia foi Vivi Altonen da Finlândia.

Gabriela de la Cruz, Janick del Castillo, Anntonia Porsild, Jesica Martasari e Yana Haenisch (Foto: Concurso)

No Top 10 ficaram Yaiselle Tous da Colômbia, Regina Gray dos Estados Unidos, Jesica Fitriana Martasari da Indonésia, Yana Haenisch da Namíbia, Krysthelle Barretto do Panamá, Janick Maceta Del Castillo do Peru, Hana Vagnerova da República Checa, Anntonia Porsild da Tailândia, Gabriela De La Cruz da Venezuela e Ngoc Chau do Vietnã.

Gabriela de la Cruz, Nathalie Yasmin e Ngoc Chau (Foto: Concurso)

O top 5 ficou assim: no 5º lugar Gabriela De La Cruz da Venezuela, no 4º lugar Janick Maceta Del Castillo do Peru, no 3º lugar Jesica Fitriana Martasari da Indonésia, no 2º lugar Yana Haenisch da Namíbia e no 1º lugar Anntonia Porsild da Tailândia, que foi coroada pela Miss Supranational de 2018, Valéria Vázquez de Porto Rico.

Miss Brasil, Fernanda Souza não chegou nem ao Top 25 (Foto: Instagram)

Nate Cmkovich dos EUA é o Mister Supranational de 2019

O Top 5: Leonardo, Alonso, Nate, Tomasz e Ítalo (Foto: Concurso)

O belíssimo norte-americano Nate Cmkovich (Foto: Concurso)

IV Mister Supranational foi realizado sábado, no Katowice Int. Conference Center, em Silésia, na Polônia. O vencedor foi o belíssimo Nate Cmkovich, dos Estados Unidos, que recebeu a faixa do Mister Supranational de 2018 Prathamesh Maulingkar, da Índia. As apresentadoras foram Sandra Kubicka, Davina Reeves e Basia Kurdej-Szatan. Participaram do concurso 40 candidatos. Nenhum asiático figurou no Top 10.

O Top 10: África do Sul, Republica Checa, Brasil, Venezuela, Peru, Equador, Índia, Polonia, Republica Dominicana e Estados Unidos (Foto: Concurso)

Não tivemos desfile de traje típico, apenas de banho por sinal calção e traje de noite. No Top 10 ficaram Rushil Jina da África do Sul, Ítalo Cerqueira do Brasil, Nicolás Asanza do Equador, Nate Cmkovich dos Estados Unidos, Varun Verma da Índia, Alonso Vivanco do Peru, Tomasz Zarzycki da Polônia, Jan Solfronk  da Republica Checa, Angel Holguín da Republica Dominicana e Leonardo Carrero da Venezuela.

O Top 20: Chile, Guiné Equatorial, Laos, Índia, República Checa, Canadá, Estados Unidos, Tailândia, África do Sul, Vietnã, República Dominicana, Venezuela, Indonésia, Filipinas, Reino Unido, Polonia, Brasil, Malta, Equador e Peru (Foto: Concurso)

Uma pena que Tong Chanchai Rungpaisit da Tailândia, parou no TOP 20. O deus de ébano Rayon Davis da Jamaica não ficou nem no Top 20. O Top 5 ficou assim: 5º lugar Leonardo Carrero da Venezuela, no 4º lugar a Tomasz Zarzycki da Polônia, no 3º lugar Alonso Vivanco do Peru, o 2º Ítalo Cerqueira do Brasil, e o 1º lugar foi para Nate Cmkovich dos Estados Unidos, que 1m93 de altura e 24 anos.

O deus de ébano Rayon Davis da Jamaica (Foto: Concurso)

Tong Chanchai Rungpaisit da Tailândia (Foto: Concurso)

Quem quiser assistir pelo Youtube, o concurso é somente acessar:

https://www.youtube.com/watch?v=bxJUFSBJxcA&feature=youtu.be&fbclid=IwAR0aXqhjUx-eq2i-5Lqp7lcnnqCTcceNYcViRBTv-GfDkXBE3_clMClC3yU.

 

  • 1 2 4