Fernando Machado

Blog

Tag presidente

Nos bastidores da política

O Governo Federal leia-se o presidente Jair Bolsonaro, assumiu o compromisso com a população brasileira para garantir a efetividade de ações de enfrentamento da Covid-19 desde o início da pandemia. Foi instituído o Comitê de Operações de Emergência, que produz, de forma integrada entre as secretarias do Ministério da Saúde e a gestão tripartite, uma série de orientações e protocolos que obedecem a critérios técnicos e embasam a gestão da pasta na tomada de decisões estratégicas.

O número de pessoas ocupadas que estavam temporariamente afastadas do trabalho devido ao isolamento social caiu de 13,5 milhões na primeira semana de junho para 12,4 milhões na segunda semana do mês. Como a população desocupada ficou estatisticamente estável nesse período, cerca de 1,1 milhão de pessoas podem ter voltado ao trabalho com a flexibilização do distanciamento social adotada em algumas cidades do país. Na primeira semana de maio 16,6 milhões estavam afastadas do trabalho. Os dados são da PNAD COVID19 semanal, divulgada serxta-feira pelo IBGE.

Computadores que já foram utilizados por servidores do Ministério da Educação (MEC), agora serão destinados às mãos de alunos de baixa renda matriculados em institutos e universidades federais que ofertam atividades não presenciais durante a pandemia. Os equipamentos foram substituídos por modelos mais atuais, porém, estão em perfeitas condições de uso e dispõem de configurações suficientes para atender às demandas e às necessidades da rotina dos alunos, como a edição de trabalhos acadêmicos e a possibilidade de acesso à internet.

Nos bastidores da Política

Foi sancionado, pelo Presidente Jair Bolsonaro, a Lei que trata de ações emergenciais destinadas ao setor cultural a serem adotadas durante a pandemia de coronavírus. Com isso, serão transferidos R$ 3 bilhões aos estados, Distrito Federal e municípios. Os recursos serão repassados de três formas: renda emergencial, no valor de R$ Ministério das Comunicações 600, pagos semanalmente em três parcelas; e editais, chamadas públicas, prêmios, aquisição de bens e serviços vinculados ao setor cultural e outros instrumentos destinados à manutenção de iniciativas culturais.

Já está disponível para download a mais recente edição de Hortaliças em Revista (HR), em formato eletrônico disponível no Portal da Embrapa Hortaliças. Em sua 30ª edição, referente ao primeiro quadrimestre de 2020, a publicação reflete, em suas páginas, as mudanças relacionadas ao novo cenário imposto pela pandemia global da Covid-19 e suas consequentes implicações no cotidiano das pessoas.

Com quase seis milhões de downloads de textos e publicações na íntegra, no mês abril, o Portal de Periódicos tem ajudado diversos pesquisadores da pós-graduação, inclusive nos estudos sobre a Covid-19. Os acessos gratuitos aos acervos completos aumentaram 7,5% na comparação com 2019, de acordo com os dados da CAPES. Em abril do ano passado, os acessos foram de 5,3 milhões. Este ano, no mesmo mês, chegaram a 5,7 milhões. O levantamento mostra que mais estudantes, por não poderem frequentar as bibliotecas das suas instituições de ensino, passaram a baixar os conteúdos dos acervos para continuarem suas pesquisas neste período de isolamento.

Nos Bastidores da Política

A ministra Tereza Cristina participou quarta-feira do lançamento do Plano Safra do Banco do Brasil, que terá R$ 103 bilhões disponibilizados para o setor. A ministra lembrou que o Banco do Brasil é parceiro histórico e fundamental do governo no Plano Safra. Destacando os números gerais do Plano Safra lançado pelo governo, Tereza Cristina disse que os recursos vão garantir a continuidade da produção no campo e o abastecimento de alimentos no país durante e após a pandemia do novo Coronavírus.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, destinou R$ 160 milhões para Instituições de Longa Permanência para Idosos. O recurso tem como objetivo auxiliar estes locais no combate à pandemia de Covid-19. O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos será o órgão responsável por distribuir os recursos de acordo com o número de idosos atendidos em cada instituição. A previsão é que o dinheiro seja compartilhado entre as 2,6 mil ILPI’s, que abrigam, atualmente, mais de 88 mil idosos em todo o Brasil.

O Programa Nacional de Incentivo ao Voluntariado (Pátria Voluntária) realizou terça-feira, parte da entrega das doações de mantas e chinelos arrecadados para beneficiar pessoas em situação de rua. A iniciativa partiu da presidente do Conselho do Programa, Michelle Bolsonaro, a partir de um pedido da ONG Mãos Solidárias, que precisava de ajuda para atender cerca de 200 homens que hoje estão abrigados no Alojamento Provisório da Ceilândia. Na segunda-feira, acompanhada da equipe do programa, a primeira dama foi, pessoalmente, buscar os donativos nos Ministérios, que foram os pontos de coleta.

Nos Bastidores da Política

O presidente da Republica, Jair Bolsonaro, acionou ontem pela manhã, na cidade de Penaforte, no Ceará, as comportas que vão permitir que as águas do Rio São Francisco cheguem ao Ceará. A obra inaugurada faz parte do Eixo Norte do Projeto de Integração do Velho Chico. Sem dúvida um momento histórico para a região. O Mito em dois anos concluiu este serviço que estava esquecido pelos presidentes anteriores. O Projeto de quase 500 quilômetros deve beneficiar 12 milhões de pessoas quando estiver pronto por completo. Os governadores do Nordeste foram convidados mas nenhum quis testemunhar esse milagre brasileiro. Parabéns, Bolsonaro!

O presidente Bolsonaro agradecendo a Deus o sucesso desta inauguração (Foto: Presidência da Republica)

Com a publicação da Portaria Conjunta nº 22, o Governo Federal confirma a reabertura das agências da Previdência Social no dia 13 de julho e disciplina o retorno gradual do atendimento presencial. O atendimento por meio de canais remotos continuará sendo realizado, mesmo após a reabertura das agências. Agora, a Secretaria de Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia e o INSS disciplinaram que o retorno “gradual e seguro” do atendimento presencial deve considerar as especificidades de cada agência, de forma a preservar a saúde e a vida das pessoas, garantindo a segurança sanitária dos servidores, dos contratados e dos usuários dos serviços.