Fernando Machado

Blog

Tag monumento

De Volta para o Passado

Há 825 anos, nascia em Portugal, Santo Antônio (Fernando de Bulhões), que morreu no dia 13 de junho de 1231.

Há 175 anos, nascia no Rio de Janeiro, o maestro Henrique Braga, que morreu no dia 10 de junho de 1917.

Há 100 anos, era inaugurado o Monumento a Martins Junior, no Largo da Faculdade de Direito.

Há 100 anos, era concluído o calçamento da Ponte Mauricio de Nassau.

Há 100 anos, Raymundo Silva, inaugurava o Salão Elite, com artigos para homens na Praça da Independência.

Há 85 anos, morria nos Estados Unidos, o comediante Will Rogers, que nasceu no dia 4 de novembro de 1879. (Foto: Getty)

Há 40 anos, o jornalista Wilson Soares era reeleito presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Pernambuco.

Há 30 anos, morria no Rio de Janeiro, o dramaturgo Bráulio Pedroso, que nasceu no dia 30 de abril de 1931.

De volta para o passado

Há 115 anos, acontecia a inauguração do Monumento de Nossa Senhora da Conceição.

 

Há 105 anos, nascia o desembargador Aderson Antão de Carvalho, que morreu no dia 26 de agosto de 1998.

Há 100 anos, a harpista Lea Llobera, fazia recital no Hotel do Parque, às 16h, para a imprensa. À noite se apresentou no Teatro de Santa Isabel.

Há 90 anos, nascia em Pernambuco, o executivo Edson Mororó Moura, que morreu no dia 15 de janeiro de 2009.

Há 75 anos, nascia em Pernambucano, a cartunista Conceição Cahu, que morreu no dia 18 de dezembro de 2006.

Há 60 anos, casam na Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, em Salvador, Maria Euthymia Manso e Tacito Pimentel.

Há 25 anos, morria nos Estados Unidos, o compositor Tom Jobim, que nasceu no dia 25 de novembro de 1927.

Há 10 anos, morria em Pernambuco, o repentista Galo Preto, que nasceu no dia 8 de outubro de 1935. (Foto: Roberta Guimarães)

Há 10 anos, morria em Alagoas, a major Elza Cansanção de Medeiros, que nasceu no dia 21 de outubro de 1921.

Há 10 anos, morria em Pernambuco, Frei Luciano Maciel Pinheiro, que nasceu no dia 12 de setembro de 1922.

Esquinas do Mundo

Uma projeção mapeada no Cristo Redentor, na noite de 31 de dezembro, será a grande novidade no réveillon do Rio de Janeiro. Com patrocínio da Epson o histórico monumento receberá uma face humanizada e mandará uma mensagem de paz na linguagem de sinais (Libras). Entretanto, como é possível dar vida ao Cristo? Para esta projeção mapeada, será utilizada, simultaneamente, seis projetores do modelo mais potente da Epson, o Pro L25000U. Cada um desses equipamentos tem 25 mil lumens e tecnologia 3LCD de três chips, sendo capazes de produzir uma qualidade superior a Full HD. Informa o gerente de negócios da Epson Gabriel Gonçalves.

Gabriel Zerra, Pedro Camargo (Kondzilla), Gianne Albertoni, Marcelo App Mução e Guto Melo (Foto: Divulgação)

Aconteceu terça-feira, à noite, no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo, o Digital Awards BR, que é considerado a principal premiação de internet no país. No palco, a atriz e modelo Gianne Albertoni anunciou os ganhadores nas mais diversas categorias, como Sites e Blogs, Podcast, Inovação, Música, Redes Sociais, YouTube, entre outros. Um momento muito especial foi quando Fernando Muylaerte, apresentador da edição 2017 passou o título para a Gianne Albertoni, e também quando o apresentador Marcos Mion recebeu o prêmio de Reality Show Mais Visualizado Do Ano pelo programa A Fazenda.

 

De volta para o passado

Os professores e alunos na festa da inauguração (Foto: Diário da Manhã)

Há 100 anos, era inaugurada a Escola de Belas Artes, dirigida por Luiz Porto Carrero.

O Monumento aos heróis e o prefeito Pessoa Guerra falando (Fotos: Diário da Manhã)

Há 90 anos, era inaugurado na Avenida Martins de Barros, às 8h, o Monumneto de Gago Coutinho e Sacadura Cabral. Falaram na ocasião o vice-cônsul de Portugal Francisco Pinto, e o prefeito Pessoa Guerra. Os autores da obra foram feitas os escultores portugueses Francisco Santos e Simão de Almeida Sobrinho. À noite, no Gabinete Português de Leitura, aconteceu uma festa, tendo como orador José Fazeira. O show foi com a pianista Maria do Carmo Almeida, a cantora Helena Campos, o violinista Hans Barza, o poeta Austro Costa e uma orquestra sob a batuta do maestro Alberto Figueiredo.

Há 90 anos, acontecia uma prova de atletismo no campo do Malaquias. Nos 1.100 metros venceu Ivan Guimarães (Náutico); Salto livre venceu Aluísio Caldas (Sport); no lançamento de dardo venceu Álvaro da Cunha Lima (Flamengo); no salto em distancia venceu Aluísio Caldas (Sport); salto em altura venceu Francisco Villa-Chan (Flamengo); no lançamento de peso venceu Antônio Pereira da Silva (Sport) e Corrida de 1.500 metros venceu Natalicio Menezes (Náutico).

Há 85 anos, morria aos 22 anos de idade, o voluntário da Pátria Durval Carneiro Leão.

Há 70 anos, morria o desembargador João Paes de Carvalho, que nasceu no dia 11 de junho de 1880.

Há 70 anos, a Índia se tornava independente da Inglaterra. Um dos grandes nomes desta façanha foi Mahatma Gandhi (1869/1948).