Fernando Machado

Blog

Tag marinheiro

De Volta para o Passado

Há 175 anos, nascia em Pernambuco, o escritor João Batista Regueira da Costa, que morreu no dia 2 de junho de 1915.

Há 140 anos, nascia no Rio Grande do Sul, o marinheiro João Cândido Felisberto, que morreu no dia 6 de dezembro de 1969.

Há 125 anos, nascia nos Estados Unidos, o boxeador Jack Dempsey, que morreu no dia 31 de maio de 1983.

Há 115 anos, desabava no Recife, a Igreja de Nossa Senhora das Necessidades.

Há 110 anos, nascia no Rio de Janeiro, o compositor Vadico (Oswaldo Gogliano), que morreu no dia 11 de junho de 1962.

Há 85 anos, morria na Colômbia, o compositor Carlos Gardel, que nasceu no dia 11 de dezembro de 1890.

Há 70 anos, morria em Pernambuco, a poetisa Marta Holanda, que nasceu no dia 20 de março de 1903.

Há 65 anos, nascia no Rio de Janeiro, a atriz Betty Lago, que morreu no dia 13 de setembro de 2015.

Fernanda, Lindalva Machado, Margarida, José o Padre Zenival (Foto: Acervo do blog)

Há 36 anos, o padre Zenival Coelho Gondim batizava Marcela Machado na Paróquia de Santíssimo Sacramento, na Boa Vista. Os padrinhos foram Margarida e José Nazário de Oliveira.

Há 25 anos, morria no Rio de Janeiro, o cantor Ivon Cury, que nasceu no dia 5 de junho de 1928.

Marcela e Julien com Louis, Adrien e Clovis (Foto: Acervo do blog)

Há três anos, se batizavam na Igreja Holly Innocentes, em Manhattan, NYC, Louis e Clovis Fernando.

De volta para o passado

Há 205 anos, nascia o artista plástico Antonio Francisco Lisboa (O Aleijadinho), que morreu no dia 29 de agosto de 1730.

Há 100 anos, nascia no Rio Grande do Sul, o artista plástico Iberê Camargo, que morreu no dia 9 de agosto de 1994.

Há 85 anos, o aprendiz de marinheiro Jorge de França Barreto, ganhava a Medalha Marcilio Dias, por ter conseguido o primeiro lugar no curso iniciado em agosto de 1933.

Há 85 anos, nascia em Pernambuco, o jogador Zequinha (José Fernandes Franco), que morreu no dia 25 de julho de 2009.

Há 30 anos, morria em Pernambuco, José Césio Regueira Costa, que nasceu no dia 11 de março de 1907.

Há cinco anos, morria em Pernambuco, a escritora Esther Camurça, que nasceu no dia 27 de abril de 1920.

Não Podemos Esquecê-los (VI)

Em Memória dos que foram assassinados pelo Brasil Livre do Comunismo lembramos, hoje, aqueles de 1972: Da Policia Militar o sargento Tomaz Paulino de Almeida e Rozendo, os cabos Sylas Bispo Feche, Luzimar Machado de Oliveira e Benedito Monteiro da Silva; do Exercito o coronel Aníbal Figueiredo de Albuquerque, o sargento Mário Abraim da Silva e o cabo Odilio Cruz Rosa.

O cabo Odilio Cruz Rosa (Foto: Divulgação)

Também o marinheiro inglês David A. Cuthberg, o estudante Eizo Ito; o segurança Manoel dos Santos; o mateiro João Pereira, o detetive de Polícia Civil Mário Domingos Panzarielo; o bancário Sílvio Nunes Alves; os civis Luiz Honório Correia, Severino Fernandes da Silva, José Inocêncio Barreto, Iris do Amaral e Napoleão Felipe Bertolane Biscaldi.

O Beijo na Times Square

O marinheiro norte-americano que ficou famoso por ter sido fotografado beijando uma mulher na Times Square, em Nova York, para comemorar o fim da II Guerra Mundial, viralizou. A foto foi feita por Alfred Eisenstadt no dia 14 de agosto de 1945. O marinheiro era George Mendonsa e a jovem Greta Zimmer Friedman, que faleceu em 2016, aos 92 anos.

George Mendonsa e Greta Fridmann aos 22 anos e ela 23 anos (Fotos: Life)

A cena do beijo e George aos 90 anos (Fotos: Life/Divulgação)

George era norte-americano filho de portugueses e faleceu domingo passado, depois de uma queda, na casa de repouso em Middletown, Rhode Island, Estados Unidos. Na terça-feira, dia 19, Mendonsa completaria 96 anos. A imagem do beijo foi publicada na revista Life e correu meio mundo, tornando-se numa das fotografias mais icónicas do século XX.