Fernando Machado

Blog

Tag maio

Adalgisa Colombo: Miss DF 1958

No dia 12 de junho fará 62 anos que Adalgisa Colombo, sob vaias, era eleita Miss Distrito Federal de 1958, com um Maracanãzinho, lotado. Participaram do concurso 26 candidatas. A 27 era Regina Rosembourgo, que depois virou socialite famosa, como Regina Leclery, Miss Lagoinha Country Clube, não pôde participar porque adoeceu. O apresentador Hilton Gomes anunciou o resultado, colocando Miss Fluminense, Denise Leyraud no Top 5 e esqueceu de Ivone Richter. Foi uma barafunda.

Adalgisa Colombo com Eloísa Menezes, e Adalgisa de desfilando de maiô e vestido (Fotos: O Cruzeiro)

O resultado final ficou assim em 5º lugar Mirna Abi-Saber do Vasco da Gama, em 4º lugar Avani Maura Fonseca do Clube Militar, em 3º lugar Ivone Gonçalves Miss Clube da Aeronáutica, em 2º lugar Ivone Richert e em 1º lugar Adalgisa Colombo, Miss Botafogo. A Banda do Corpo de Fuzileiros Navais do Rio de Janeiro abriu a noitada executando Cidade Maravilhosa.

O ginásio Gilberto Cardoso, ou melhor, Maracanãzinho, no Miss DF  (Foto: O Cruzeiro)

A comissão julgadora foi composta por Dinah Silveira de QueirósMateus FernandesGerson PinheiroWaldemar ArenoReinaldo ReisNazarethJ.G.de Araújo Jorge, Alceu PenaAdolfo Graça CoutoEdson Varela e Orlando MotaOscar Santamaria estava como assessor do júri, sem direito a voto.

Ivone Richter, Ivone Gonçalves, Avany Maura Fonseca e Mirna Abi-Saber (Fotos: O Cruzeiro)

Participaram do Miss DF de 1958: Adalgisa Colombo (Botafogo), Anette de Oliveira (Madureira A.C.), Avany Maura (Clube Militar), Bernadette da Cunha (América Futebol Clube), Clara Lisboa (Marã Esporte Clube), Denise Leyraud (Fluminense Futebol Clube), Édna Queirós (Social Ramos Clube), Eline Rangel (Grajaú Atlético Club), Ester Barbreuse (Faculdade de Medicina), Gina Blanco (AABB), Iara Marques Vasconcelos (Brazil Kennel Club), Icléia Calixto (Bangu Atlético Clube), Ivone Gonçalves (Clube da Aeronáutica), Ivone Richter (Riachuelo Tenis Clube).

Eline Rangel, Vera Viana, Lourdes Migueis, Solange Braga, Neide Toscano, Julia Carvalho, Rosana Tapajós e Avani Maura (Foto: O Cruzeiro)

Ainda Laine de Sousa Oliveira (Braz de Pina Country Club), Lenira Ribeiro Ferreira (Escola Nacional de Educação Física), Lurdes Miguéis (Vitória Tenis Clube), Maria Júlia Alencastro Carvalho (Faculdade de Direito), Marly Moreira (Sport Club Anchieta), Myrna Abi-Saber (Vasco da Gama), Neide Toscano  (Vila Isabel), Rosana Tapajós (Flamengo), Selma Pamplona  (Clube Leblon), Solange Bragas (Caixa Econômica), Teresinha Araújo (Clube Municipal) e Vera Viana (Caiçaras).

Selma Pamplona, Ivone Gonçalves, Ivone Ritcher, Adalgisa Colombo, Mirna Abi-Saber, Iara Vasconcelos, Clara Lisboa e Edna Queiroz (Foto: O Cruzeiro)

Adalgisa Colombo (1940/2013) tinha 18 anos, 1m69; 56kg; 90cm de busto e 91cm de quadris, 62cm de cintura, 56cm de coxa, olhos e cabelos castanhos, era modelo profissional, e apresentadora na TV Rio. E sob vaia recebeu a faixa da Miss Distrito Federal de 1957, Eloisa Menezes, porque a preferida do publico era a Ivone Richter, do Riachuelo Tênis Clube.

Miss Pernambuco de 2018

A foto oficial das 20 candidatas e gerente do Bristol Beatriz Varella (Foto: Fernando Machado)

Hoje, às 20h, no Teatro do IMIP, vamos ter a escolha da Miss Pernambuco de 2018. Vão participar do concurso 20 candidatas, que desfilarão de longos, maiô e biquíni. Minha amiga Martha Vasconcelos, Miss Universo de 1968, será a grande homenageada da noite, por conta dos 50 anos de Miss Universo. O representante do Miss Brasil, Michael Costa, virá prestigiar o evento. Também virá de São Paulo, Henrique Fontes que assina o concurso de Miss e Mister Brasil CNB.

Ana Paula Gomez, Rafaela Lopes, Alessandra Costa, Joyce Mendonça e Lilian Martins (Foto: Fernando Machado)

As candidatas são Alessandra Costa (Belo Jardim), Anna Paula Gomez (Brejo da Madre Deus), Joyce Mendonça (Carpina), Eslovenia Marques (Caruaru), Paloma Oliveira (Fernando de Noronha), Jessy Marques (Garanhuns), Yara Ferreira (Gravatá), Brenda Victoria (Nazaré da Mata), Ianca Shiosser (Olinda), Taline Leonel (Paranatama), Joyce Fagundes (Paudalho), Andreza Lima (Petrolândia), Julia Molinari (Porto de Galinhas).

Jessy Marques, Eslovenia Marques, Deborah Castro, Layssa Sousa e Ellen Beatriz (Foto: Fernando Machado)

Ainda Ariely Luna (Recife), Carla Araujo (Ribeirão), Deborah Castro (Santa Cruz da Baixa Verde), Laysa Sousa (Santa Cruz do Capibaribe), Rafaela Lopes (Serra Talhada), Nathalia Oliveira (Surubim), Lilian Martins (Taquaritinga do Norte) e Ellen Beatriz (Triunfo). A decoração é assinada por Fred Castro, a coreografia é de Romildo Alves e a apresentação será de Wilma Gomes e Marcos Salles. A comissão julgadora será formada por 13 pessoas.

Paloma Oliveira, Ianca Shiosser, Ariely Luna, Julia Molinari e Carla Araujo (Foto: Fernando Machado)

A deusa de ébano Carla Araujo de Ribeirão é a miss mais velha: 24 anos. Brenda Victoria (Nazaré da Mata), Joyce Fagundes (Paudalho) e Ariely Luna (Recife) são as candidatas mais altas: 1m80 de altura. O concurso de Miss Pernambuco é coordenado há 28 anos por Miguel Braga. Informação importante: Os concurso de Miss Pernambuco de 1988 (Ana Maria Guimarães) e 1989 (Ana Cristina Medeiros) foram coordenados por Alex, Muciolo Ferreira e este cronista.

Taline Leonel, Andreza Lima, Yara Ferreira, Brenda Victoria e Joyce Fagundes (Foto: Fernando Machado)

Akiko Kojima: Miss Universo de 1959

Akiko Kojima sendo coroada por Luz Marina Zuluaga (Foto: Divulgação)

Há 58 anos em Long Beach Municipal Auditorium, na Califórnia, a japonesa Akiko Kojima era eleita Miss Universo 1959, que foi coroada pela Miss Universo de 1958, Luz Marina Zuluaga, da Colômbia. Participaram do concurso 34 candidatas e foi o último realizado em Long Beach. A nova sede passou ser Miami, na Florida. Apresentador Byron Palma.

Foto oficial das candidatas (Foto: O Cruzeiro)

A comissão julgadora foi composta por Maxwell Amow, Claude Berr, Ghislaine R. De Amador, Chritisne Fox, Palmi Ingvarsson, James H. Noguer, Vion Papamichalis, Joseph Ruttemberg, Vincent Trotta e Paul Wellmann. A Miss Simpatia foi Sodsai Venitwatana (Tailândia), a Miss Fotogenia foi Pamela Anne Searle (Inglaterra) e Garota Popular Oh Hyun Joo (Coréia do Sul).

Foto oficial das demais candidatas (Foto: O Cruzeiro)

O Top 15 foi formado por Carmela Künzel (Alemanha), Hélène Savigny (Bélgica), Olga Pumajero Korkor(Colômbia), Oh Hyunjoo (Coréia do Sul), Françoise St-Laurent (França), Zoidsa “Zoe” Kouroukli (Grécia), Sigridur Thorvaldsdóttir (Islândia), Rina Isaacov (Israel), Zuzanna Cembrowska (Polónia) e Marie-Louise Ekström (Suécia).

Vera, Terri, Akiko, Jorun e Pamela (Foto: O Cruzeiro)

E resultado final ficou assim: em 5º lugar Vera Regina Ribeiro do Brasil, em 4º lugar Pamela Anne Searle da Inglaterra, em 3º lugar ficou Terri Lynn Huntingdon dos Estados Unidos em 2º lugar ficou Jorunn Kristjansen da Noruega e a Miss Universo de 1959 foi Akiko Kojima do Japão, tinha de 22 anos, 1m68 de altura, 94cm de busto, 58,5cm de cintura e 96,5 de quadris.

O Top 15 (Foto: Getty Images)

Participaram do concurso Carmela Künzel (Alemanha), Liana Cortijo (Argentina), Christine Spatzier (Áustria), Hélène Savigny, (Bélgica), Than Than Aye (Birmânia), Corina Taborga (Bolívia), Vera Regina Ribeiro (Brasil), Eileen Butter (Canadá), Olga Pumajero Korkor, (Colômbia), Oh Hyun Joo (Coréia do Sul), Ziane Monturiel (Costa Rica), Irma Buesa Mas (Cuba).

Akiko Kojima de maiô e traje de noite (Foto: O Cruzeiro)

Ainda Lisa Stolberg (Dinamarca), Carlota Elena Ayala, (Equador), Terri Lynn Huntingdon (Estados Unidos), Françoise St-Laurent (França), Zoidsa “Zoe” Kouroukli (Grécia), Rogelia Cruz Martínez (Guatemala), Patricia Visser (Havai), Peggy Erwich, (Holanda), Pamela Anne Searle (Inglaterra), Sigridur Thorvaldsdóttir (Islândia).

Vera Ribeiro de maiô e vestido,  e Pamela Anne Searle de maiô (Foto: O Cruzeiro)

E finalmente Rina Isaacov (Israel), Maria Grazia Buccella (Itália), Akiko Kojima (Japão), Josée Pundel (Luxemburgo), Mirna García Dávila (México), Jorunn Kristjansen (Noruega), Guadalupe Mariátegui Hawkis (Peru), Zuzanna Cembrowska (Polónia),  Marie-Louise Ekström (Suécia), Sodsai Venitwatana (Tailândia), Ezel Olcay (Turquia) e Claudia Bernat (Uruguai).

Pamela Anne Searle de vestido, Terri Lynn Huntingdon de maiô e vestido (Foto: O Cruzeiro)

Maria Grazia Buccella da Itália de vestido; Jorunn Kristjansen de maiô e vestido (Foto: O Cruzeiro)

Norma Nolan: Miss Universo de 1962

Foto oficial das candidatas ao Miss U 62 (Foto: O Cruzeiro)

Marlene Schmidt coroando Norma Beatric Nolan (Foto: O Cruzeiro)

Há 55 anos, no Miami Beach Auditorium, em Miami, na Flórida, era eleita Miss Universo de 1962, a representante da Argentina, Norma Beatrice Nolan. O host foi Gene Rayburn, que apresentou 51 as candidatas em desfile de traje típico, depois de maiô e finalmente de traje de noite. Norma Nolan, foi coroada pela alemã Marlene Schmidt, Miss Universo de 1961.

As 15 semifinalistas (Foto: Cortesia)

O Top 15 foi formado por Norma Nolan (Argentina), Christa Linder (Austria), Maria Olivia Rebouças (Brasil), Marilyn McFatridge (Canadá), Olga Orozco (Colombia), Seo Bum-joo (Coreia do Sul), Macel Wilson (Estados Unidos), Anja Järvinen (Finlandia), Evelyn Miot (Haiti), Kim Carlton (Inglaterra), Yehudit Rounik (Israel), Anna Geirsdóttir (Islandia), Nouhad Cabbabe (Libano), Leslie Nichols (Nova Zelandia) e Helen Liu Shiu-Man (Taiwan).

Nouhad, Seo, Kazuko, Isa, Yehudit, Josie e Anna (Foto: O Cruzeiro)

Sarah Frómeta da Republica Dominicana foi eleita Miss Simpatia, e Kim Carlton da Inglaterra ganhou Miss Fotogenia e o Melhor Traje Típico. No quinto lugar ficou Maria Olivia Rebouças (Brasil), em quarto lugar Helen Liu Shiu-Man (Taiwan), em terceiro lugar Anja Järvinen (Finlândia), em segundo lugar Anna Geirsdóttir (Islandia) e a eleita Miss Universo de 1962, foi Norma Nolan da Argentina.

Marilyn, Maria Olivia, Gabriela, Chrisine, Christa e Norma (Foto: O Cruzeiro)

Participaram do concurso: Lynette Gamble (Africa do Sul), Gisela Karschuk (Alemanha), Norma Beatrice Nolan (Argentina), Christa Linder (Áusria), Christine Delit (Bélgica), Gabriela Roca Diaz (Bolívia), Maria Olivia Rebouças (Brasil), Marilyn McFatridge (Canadá), Yvonne d’Rozario (Ceilão), Julie Koh (Cingapura), Olga Lucia Botero Orozco (Colômbia), Seo Bumjoo (Coreia do Sul), Helvita Albónico (Costa Rica), Aurora Prieto (Cuba), Elaine Hougen (Equador).

Maria Olivia, Anja, Norma, Anna e Helen (Foto: Divulgação)

Também Vera Parker (Escócia), Cochita Roig (Espanha), Macel Wilson (Estados Unidos), Josephine Estrada (Filipinas), Anja Järvinen (Finlandia), Sabine Surget (França), Kristina Apostolou (Grecia), Evelyn Miot (Haiti), Marianne van der Hayden (Holanda), Shirley Pong (Hong Kong), Juanita Monell (Ilhas Virgens), Kim Carlton (Inglaterra), Josie Dwyer (Irlanda), Anna Geirsdóttir (Islandia), Yehudit Rounik (Israel), Isa Stopp (Italia), Kazuko Hirano (Japão), Nouhad Cabbabe (Líbano), Fernande Kodesch (Luxemburgo).

Ann Geirsdottir, Aulikki Jarvinen e Helen Liu (Fotos: O Cruzeiro)

Ainda Ginette Buenaventes (Marrocos), Julie Ege (Noruega), Leslie Nichols (Nova Zelândia), Hazel Williams (País de Gales), Corina Escuariza (Paraguai), Sarah Allabshee Abdullah (Malaia), Silvia Ruth Dedeking (Peru), Ana Célia Sosa (Porto Rico), Maria Trindade Defolloy (Portugal), Sarah Frómeta (Republica Dominicana), Monica Ragby (Suécia), Francine DeLouille (Suiça), Katy Banner (Taiti), Helen Liu Shiu Man (Taiwan), Behad Sezer (Turquia), Nelly Vasigaluz (Uruguai) e Virginia Bailey (Venezuela).

Norma Nolan de traje típico, maiô e vestido de noite (Foto: O Cruzeiro)

Maria Olivia Rebouças de maiô e ao lado de Norma Nolan (Fotos: O Cruzeiro)

  • 1 2 4