Fernando Machado

Blog

Tag literatura

Pausa Poeta

“Deixaste-me, faz uns dias, / e hoje me vens procurar. / Ah, meu amor, que alegria! / Que vontade de chorar!” Esdras Farias (1889/1955)

Pausa Poética

“A gente não se liberta de um hábito atirando-o pela janela: é preciso fazê-lo descer a escada, degrau por degrau”. Mark Twain (1835/1910)

Pausa Poética

“Quando não se planeja nada, tudo é possível”. O modelo italiano Mateo Lanzi 

Pausa Poética

“Quando será o dia da minha sorte? / Sei que antes da minha morte / Eu sei que esse dia chegará / Mas quando será?” Zé Rodrix (1940/2009)