Fernando Machado

Blog

Tag letra

Anotações do Cotidiano

Hoje, às 14h, por conta do aniversário do Patrono da Aeronáutica Alberto Santos Dumont, acontece um show aéreo da Esquadrilha da Fumaça. A última demonstração aérea da Esquadrilha no Recife ocorreu em 2011, em Boa Viagem, porém, em consonância com os objetivos do projeto Recife Antigo de Coração, a demonstração este ano será realizada na Praça do Marco Zero.

A arquiteta Carol Mancini e sua obra (Foto: Divulgação)

Quinta-feira, a Clami promoveu em sua loja no shopping Lar Center, no Rio, uma rifa com uma bola customizada pela arquiteta Carol Mancini, em homenagem a jornalista esportiva Marilia Ruiz. O evento visa arrecadar fundos para a Fundação Gol de Letra, que fundada em 1998, por Leonardo e Rai, com o objetivo de contribuir para a educação de crianças e jovens de comunidades socialmente vulneráveis.

Nos bastidores da Política

Aconteceu terça-feira, no plenário da Casa José Mariano, a entrega do Título de Cidadão do Recife ao coordenador executivo do SINEPE-PE, o professor Francisco Ferreira Rocha. A proposta foi do vereador Marco Aurélio (PRTB). Além de atuar no SINEPE-PE, o novo cidadão recifense é vice-presidente do Conselho Municipal de Educação.

francisco-ferreira-rocha

O novo cidadão do Recife Francisco Ferreira da Rocha (Foto: Divulgação)

Foi lançada ontem, durante coletiva de imprensa, na Biblioteca de Afogados, a programação XIV Festival Recifense de Literatura A Letra e a Voz. Durante cinco dias, serão realizadas mesas de debates, oficinas, recitais e uma feira literária com objetivo de divulgar e fomentar a produção literária feminina. A curadoria é de Rita Marize da Silva.

Jogos Olímpicos Rio 2016

Três momentos inesquecíveis da abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Foram o desfile de Gisele Bündchen ao som Garota de Ipanema, de Tom Jobim. O segundo foi Luiz Melodia cantando Aquele Abraço, que onde presta uma homenagem ao Velho Guerreiro, “Alô, alô, seu Chacrinha / Velho guerreiro / Alô, alô, Terezinha / Rio de Janeiro / Alô, alô, seu Chacrinha / Velho palhaço / Alô, alô, Terezinha / Aquele abraço!” e, claro “O Rio de Janeiro continua lindo / O Rio de Janeiro continua sendo / O Rio de Janeiro, fevereiro e março”.

j-yane-marques-afp

Yane Marques surgiu em ritmo de frevo (Foto: AFP)

2016 Rio Olympics - Opening ceremony - Maracana - Rio de Janeiro, Brazil - 05/08/2016. Performers take part in the opening ceremony. REUTERS/Stefan Wermuth FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS.

Dona Santa e o blog adoraram o maracatu estilizado no Maracanã (Foto: Reuters)

A terceira foi a entrada da delegação brasileira, num traje clássico, bem talhado, porém com estamparia pouco sofisticada, tendo como trilha sonora o segundo hino da nossa terra que Aquarela do Brasil, composta por Ary Barroso em 1933. A quarta foi a beleza de alguns integrantes, salpicadas nas diversas delegações. Os trajes mais bonitos foram as da delegação Estados Unidos, Grã-Bretanha, Austrália, e também as dos países africanos com suas roupas exóticas, mas belíssimas.

2016 Rio Olympics - Opening ceremony - Maracana - Rio de Janeiro, Brazil - 05/08/2016. Flagbearer Michael Phelps (USA) of United States of America leads his contingent during the opening ceremony. REUTERS/Dylan Martinez FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS.

Michael Phelps arrasou puxando a delegação norte-americana (Foto: Reuters)

j-camarões-reuters

O exotismo dos trajes da delegação de Camarões (Foto: Reuters)

E finalmente o porta-bandeira da Republica do Tonga, Pita Taufatofua, que do alto dos 33 anos, 1m91, e dos 100kg que apesar de ser uma ilha minúscula na Oceania, deu toque de grandeza ao seu país e ao mesmo homenageou o nosso clima tropical, e me fez lembrar a famosa canção de Caetano Veloso, Menino do Rio. Todavia garanto que as mulheres carentes e tribo alegre devem ter saído do Maracanã, cantando a musica de Toquinho: A Tonga da mironga do kabulê.

2016 Rio Olympics - Opening ceremony - Maracana - Rio de Janeiro, Brazil - 05/08/2016. Brazilian top model Gisele Bundchen takes part in the opening ceremony. REUTERS/Damir Sagolj FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS

Olha que coisa mais linda: Gisele Bündchen by Alexander Herchcovitch (Foto: Reuters)

j-pita-taufatofua-taekwondo-tonga

Olha que malavilha, o porta-bandeira de Tonga, Pita Taufatofua, do taekwondo (Foto: Divulgação)

Para quem não lembra eis a letra “Eu caio de bossa / Eu sou quem eu sou / Eu saio da fossa / Xingando em nagô / Você que ouve e não fala / Você que olha e não vê / Eu vou lhe dar uma pala / Você vai ter que aprender / A tonga da mironga do kabuletê”. / Você que fuma e não traga / E que não paga pra ver / Vou lhe rogar uma praga / Eu vou é mandar você / Pra tonga da mironga do kabuletê”. Viva Pita Taufatofua! Ouça a letra: https://www.youtube.com/watch?v=iiW2ImJLW0c 

Acontecencias

O XII Festival Recifense de Literatura – A Letra e A Voz vai ocupar o Forte das Cinco Pontas, de 20 a 23 de agosto, com a presença de importantes nomes da literatura nacional. Este ano, a curadoria será do jornalista Schneider Carpeggiani, e homenageia os 50 anos do romance A Paixão Segundo GH“, de Clarice Lispector.

No dia 18 de setembro, no JCPM Trade Center, entre 15h e 20h,  vamos o V Salão do Estudante, maior feira de educação internacional da América Latina. O evento, que passará por seis cidades, reunirá instituições de ensino de 20 países. No ano passado a feira recebeu 30 mil visitantes. Informações: www.salaodoestudante.com.br

Hoje, às 16h30, no Teatro Apolo, pelo XII Festival Estudantil de Teatro e Dança, temos a apresentação da peça As Maravilhas de Alice, pela Cia. de Teatro e Dança Souza Leão. O texto é a direção é de Nino Fernandes. O ingresso custa R$ 10 (preço promocional). A peça é uma adaptação da clássica fábula de Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll.