Fernando Machado

Blog

Tag graf

De volta para o passado

Há 135 anos, morria na França, o poeta Victor Hugo, que nasceu no dia 26 de fevereiro de 1802. (Foto: Getty Images)

O barítono Corbiniano Vilaça (Foto: Diário da Manhã)

Há 100 anos, acontecia no Teatro de Santa Isabel, o concerto do pianista José Ribas, em beneficio da Santa Casa da Misericórdia, acompanhado do barítono Corbiniano Vilaça.

Há 95 anos, a Cruz Vermelha criava no Derby, a Casa das Mães Desamparadas. Na coordenação a primeira dama Virginia Loretto, Amaury de Medeiros, Fraga Rocha e Selva Junior.

Há 90 anos, pousava, pela primeira vez ao Recife, no Campo do Jiquiá, o Graf Zeppelin. O governador Estácio Coimbra decretou feriado pelo feito. O secretário particular do governador, Gilberto Freyre, recebeu a tripulação e passageiros. O único brasileiro a bordo era o professor Licinio Cardoso.

Há 85 anos, acontecia na Casa Laubish-Hirth, na Rua do Hospício, o vernissage do artista plástico Balthazar da Câmara.

De volta para o passado

Há 125 anos, nascia no Rio de Janeiro, o professor Malba Tahan (Julio César de Melo e Souza), que morreu no dia 18 de junho de 1974.

Há 125 anos, nascia na Itália, o ator Rodolfo Valentino, que morreu no dia 28 de agosto de 1926.

Há 120 anos, acontecia uma passeata cívica, em comemoração aos 400 anos do Brasil. À noite, na bacia do Rio Capibaribe, queima de fogos.

Há 120 anos, o ex-mestre da Camisaria e alfaiataria Pernambucana, Sérgio Gomes de Souza, abria sua alfaiataria na Rua Duque de Caxias, 21.

Há 110 anos, morria na Inglaterra, o Rei Eduardo VII que nasceu no dia 9 de novembro de 1841.

Há 105 anos, nascia nos Estados Unidos, o cineasta Orson Welles, que morreu no dia 9 de outubro de 1958.

Há 85 anos, chegava ao Campo do Jiquiá, o Graf Zeppelin. A bordo o Conde  Zeppelin.

Jeanete Marilda de Carvalho, como Miss Clube de Regatas Icarai (Foto: Reprodução de O Fluminense)

Há 60 anos, Miss Niterói, Jeanete Marilda de Carvalho, era raptada pelo noivo, João Heleno Soares, que não queria que ela participasse do concurso. Ele ficou rodando de carro com ela para perder o concurso. Ela saltou do carro e chegou ao local da festa, com duas horas de atraso e conseguiu ficar no 2º lugar no Miss Estado do Rio de 1960.

Há 40 anos, era assassinado em Pernambuco, o pianista Bamba (Edward Limoine da Silva). Ele nasceu no dia 31 de janeiro de 1934.

De volta para o passado

Há 105 anos, no Teatro Helvética acontecia uma festa em beneficio da atriz Eulina Barreto.

Há 85 anos, aterrissava no Campo do Jiquiá, no Recife, o Graf Zeppelin.

Há 60 anos, nascia nos Estados Unidos, o cantor Prince, que morreu no dia 21 de abril de 2016.

Há 40 anos, acontecia no Hotel Vila Rica, o desfile da Torre Eiffel, de Helion Firmino, e a Libia Boutique. Desfilaram pelas grifes Ulysses, Ulisses Caio, Biga, Margarete, Lee e Cecilia.

Há 20 anos, morria em Pernambuco, o dentista Mário de Melo Lopes, que nasceu no dia 13 de fevereiro de 1922.

Há cinco anos, morria na Alemanha, o travesti Consuela (Antonio Leal), que nasceu no dia 19 de setembro de 1940.

De Volta para o Passado

Há 121 anos, madre Agathe Verhelle, fundava no Recife, o Colegio das Damas.

Há 100 anos, nascia nos Estados Unidos, o historiador Arthur Schlesinger, que morreu no dia 28 de fevereiro de 2007.

Há 100 anos, morria na França, a dançarina Mata Hari, que nasceu no dia 7 de agosto de 1876.

Há 95 anos, acontecia no auditório do Diário de Pernambuco, recital do barítono Adauto Filho.

Há 85 anos, atracava no Campo do Jiquiá, no Recife, o Graf Zeppelin.

Há um ano, morria em Pernambuco, o luthier (mestre em Violinos) João Batista, que nasceu no dia 4 de dezembro de 1927.

  • 1 2 5