Maria Lecticia & Amigos

c-sergio-maria-lecticia-cavalcanti

Sérgio ao lado da mãe, Maria Lecticia (Foto: Fernando Machado)

Terminada a parte oficial aconteceram os cumprimentos nos jardins da Casa Carneiro Vilela. O local estava mais bonito graças a decoração impecável infiltrada entre cajueiros, mangueiras, cajazeiras. Murilo Santiago e Maria Helena Mendonça estão de parabéns. Os arranjos de antúrios, orquídeas e phaleanopsis eram de a gente babar. Então aquele repousando na mesa do bufê onde além das flores tínhamos pera, cristal e alstroemérias estava deslumbrante.

c-alexandra-ana-maria-monteiro-luciana

Ana Maria Monteiro com as filhas Alexandra e Luciana  (Foto: Fernando Machado)

Enquanto Maria Lecticia e José Paulo Cavalcanti, diante a monumental sede da Academia Pernambucana de Letras, recebiam os cumprimentos dos amigos, à côté acontecia uma retreta, como nos velhos tempos dos anos dourados do Recife. A Orquestra Bravo, regida pelo maestro Dierson Torres, apresentava um repertório maravilhoso. O diretor musical Alexandre Lemos sempre reserva peças de arrepiar para o publico. Um concerto e tanto. Bravo!

c-ana-maria-mendonça

Ana Maria Paes Mendonça (Foto: Fernando Machado)

E então ouvimos Ária na 4ª Corda e a entrada da Rainha de Sabá de Bach, Canon de Pachebel, Outono de Vivaldi, Alla Hornpipe de Handel, a Sinfonia The Clock de Haydn, as aberturas dos concertos Nº 9, 23  e 25 para piano e orquestra de Mozart, as Sinfonias 25 e 40 de Mozart, a Abertura do concerto Nº 1 para piano e orquestra de Beethoven, a Sinfonia Nº 7 de Beethoven, Sinfonia Italiana de Mendelsohn.

c-heliana-coutinho-maria-do-carmo-monteiro

Heliana Coutinho e Maria do Carmo Monteiro (Foto: Fernando Machado)

Querem mais músicas tivemos ainda a Marcha Militar e a Valsa 15 de Chopin, Valsa das Flores de Tchaikovsky, Valsa do Imperador de Strauss, Valsa do Balé de Don Quixote de Minkus, a Valsa de Fausto de Gounod, Rapsody in Blue e I Get Rythm de Gershwin. Os convidados não paravam de elogiar aquele momento mágico de boa música. Maria Lecticia é igualzinha àquela planta Comigo Ninguém Pode, nos arredores da APL chovia torrencialmente e lá nada.

c-geralda-farias-vera-dourado

Geralda Farias e Vera Dourado (Foto: Fernando Machado)

E como a anfitriã é uma expertise em gastronomia, o bufê da Arcádia era de se comer rezando para Nossa Senhora de Fátima e Santa Terezinha. Então vamos para o cardápio: salada de bacalhau com grão de bico temperado com azeite e salsinha, flor de salmão com sua propria mousse, quiche de gorgonzola com peras, quiche Lorraine, carpaccio de Parma com cubos de melão à parte, pernil defumado na peça, terrine de peixe e lagosta ao molho de conhaque, terrine de canard com purê de tâmaras, queijos (Gruyere, Gouda, Emmetal e Parmesão).

murilo-santiago-maria-helena-mendonça

Murilo Santiago e Maria Helena Mendonça (Foto: Fernando Machado)

Ainda tínhamos Brie folhado com geleia de damasco, peru à Califórnia com puré de mação, compotas, fios de ovos, farofa rica e molho de peru. E agora as sobremesas filhoses ao mel, bolo de rolo, fatias douradas, merengue de morango, mousse de amoras, e a cocada preparada pela própria Maria Lecticia. E assim se passou a noite, com os ouvidos escutando boa música, os olhos se enchendo de bom gosto e a boca se fartando de gosto bom.

c-socorro-rodrigues-taciana-mendonça-socorro-albuquerque

Socorro Vilaça Rodrigues, Taciana Vilaça Mendonça e Socorro Albuquerque (Foto: Fernando Machado)