Fernando Machado

Blog

Tag Distrito

Patrícia Lacerda: Miss Distrito Federal de 1954

No dia 19 de junho de 1954, acontecia nos salões do Hotel Quitandinha, em Petrópolis, a escolha da Miss Federal de 1954. Foi o primeiro concurso e as 11 candidatas, ainda não representavam clubes ou escolas. Eram avulsas. Elas desfilaram de maiô, não eram uniformes, como foram nos anos posteriores e trajes de noite. Ainda não era um concurso profissional. Tivemos aplausos e vaias, porque descobriram o nome da vitoriosa já estava escolhida.

As 11 jovens ao titulo (Foto: O Cruzeiro)

Participaram do Miss DF 54 Maria Gracinda Teixeira de Jesus, Ana Maria Coelho Neto Lacerda (Patricia Lacerda), pois, era atriz de cinema com esse nome; Neyda Alfaia Oberst, Dayse Santiero, Zaida de Sousa Saldanha, Norma de Birto Primo, Ana Maria Sayers, Darcy Oliveira, Norma Gonçalves e Maria Helena Albuquerque. O jornalista João Martins escreveu sobre elas: “algumas, belas e graciosas. Outras (e é com coração partido que o digo) nem tanto, nem tanto…”.

O top 3: Patrícia, Zaida e Maria Gracinda (Fotos: O Cruzeiro e Manchete)

O júri foi formado por Herbert Moses (Presidente da ABI), Peregrino Júnior (Escritor), Alfredo Ceschiatti (escultor), Niomar Muniz Sodré (diretora do Museu de Arte Moderna), Nelson Quadros (jornalista), Aníbal Machado (escritor) e Mário Pedrosa (crítico de arte). A vencedora foi Patrícia Lacerda, que tinha 1m73 de altura e 18 anos e era neta do escritor Coelho Neto. No 2º lugar ficou Zaida Saldanha e no 3º lugar, Maria Gracinda Teixeira de Jesus.

Patricia Lacerda Miss Distrito Federal de 1954 (Foto: O Cruzeiro)

Informação importante: Maria Gracinda não usava o sobrenome, em 1957 teve um romance tenente John McCain (1936/2018) morou no Brasil quando servia a Marinha Norte-Americana. Depois John virou o senador norte-americano concorreu à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Republicano em 2008 (perdendo para Barack Obama).

Lêda Rau vence o Miss DF 1956

No dia 19 de maio fará 64 anos que 17 candidatas disputavam o titulo de Miss Distrito Federal, no teatro do Hotel Quitandinha em Petrópolis. A promoção era dos Diários e Emissoras Associados, com o patrocínio da Organdy Paramount e dos maiôs Catalina. Os apresentadores foram Murilo Néri e Lourdes Mayer e a coordenação de Orlando Mota. As jovens desfilaram de traje de noite e depois de banho.

O Top 4: Dirce Moura, Beatriz Peixoto, Sylvia Pamplona e Lêda Rau (Foto: Manchete)

A vencedora foi Lêda Brandão Rau do Marã Esporte Clube, que nasceu no dia 21 de abril de 1936, 1m65, 57 quilos, busto 90, quadris 93 e cintura 60. No 2º lugar ficou Sylda Campbell Pamplona (Clube Militar), no 3º lugar Beatriz de Carvalho Peixoto (Vasco da Gama), e no 4º lugar Dirce de Lima e Moura (Clube dos Caiçaras).

Lêda Brandão Rau de traje de noite (Foto: Manchete)

A comissão julgadora foi formada pelo prefeito do DF Francisco Negrão de Lima, o prefeito de Petrópolis Flávio Castrioto, escritora Dinah Silveira de Queiroz, presidente da ABI Herbert Moses, o teatrólogo A. Accioly Netto, o escritor Malba Tahan, o diretor dos Diários Associados João Calmon, Alfredo Elchemer da Organdy Paramount e Alfred Blum dos maiôs Catalina.

Lêda Brandão Rau de traje de banho (Foto: O Cruzeiro)

Também participaram do concurso Elza Lya Potthoff (AABB), Maria de Fátima Baird Rosas (Curso de Biblioteconomia da Biblioteca Nacional), Lair Moreira (Madureira Tênis Clube), Lygia Maria Galdi (Grajaú Tênis Clube), Stella Marise de Miranda Gobel (Faculdade Nacional de Filosofia), Arisni Maria Aquino de Oliveira (Clube Municipal), Tania Nizzo (Botafogo Futebol e Regatas).

O Top 17 (Foto: O Cruzeiro)

E ainda Maria Eloá Menezes de Castro (Fluminense Futebol Clube), Selma de Azevedo Fonseca (Clube dos Funcionários do IAPETC), Tutsi Bertrand (Sociedade Hípica Brasileira), Gilda da Silva Veloso (Clube Leblon), Manira Curi (Associação Atlética Vila Isabel) e Maria François de Faria (Escola Nacional de Educação Física). A vencedora foi enfaixada pela Miss Distrito Federal de 1955, Elvira Wilberg.

Miss Distrito Federal de 1955

Martha Rocha, Lelia Melo e presidente do Circulo Militar general Canrobert Pereira da Costa na festa do Circulo Militar (Foto: O Cruzeiro)

No dia 4 de junho de 1955, no Hotel Quintandinha, iria acontecer a escolha da Miss Distrito Federal daquele ano. A promoção era dos maiôs Catalina, Cinzano, Leite de Rosas, Companhias de Fiação e Tecelagem America Fabril e Corcovado.

Lelia Melo, Miss Botafogo e Elenice Barreto, Miss Circulo Militar (Foto: O Cruzeiro)

Todavia em março surgiram as primeiras candidatas Elenice Barreto (Circulo Militar), Lélia Melo Yaco (Botafogo) e Sônia Dutra (Vasco da Gama). Elenice casou-se com o fotografo Indalécio Vanderley e Sônia Dutra virou atriz.

Sonia Dutra, Miss Vasco da Gama e Raquel Abadio que disputou o titulo de Miss Botafogo (Foto: O Cruzeiro)

Anotações do Cotidiano

No próximo dia 22, às 16h, na Base Naval de Natal, no Rio Grande do Norte, o almirante Joese Bandeira Leandro passa o comando do III Distrito Naval, para o contra almirante Alan Guimarães Azevedo. O almirante Leandro que passou para a reserva remunerada tem muitos amigos no Recife.

O hotel Novo Mundo, leia-se Diego Cosac, construído na Praia do Flamengo, para receber as delegações da Copa do Mundo de 1950, vai fechar depois de 69 anos de atividade. O Rio de Janeiro continua em decadência no setor de turismo. Foi nesse hotel que Pelé dormiu no dia que marcou seu milésimo.