Fernando Machado

Blog

Tag campeão

De Volta para o Passado

Anúncio do Hotel do Parque no Jornal do Recife e Bento Luiz de Aguiar (Fotos: Acervo do Blog)

Há 105 anos, o comendador Bento Luiz de Aguiar (1871/1915), inaugurava na Rua do Hospício, o Hotel do Parque.

Há 85 anos, nascia em Portugal, a atriz Ruth Escobar, que morreu no dia 5 de outubro de 2017.

O ator Oswaldo Barreto (Foto: Diário da Manhã)

Há 80 anos, se apresentava no Teatro de Santa Isabel, o Grupo Gente Nossa, com a peça Mimosa de Leopoldo Froes. No elenco no Oswaldo Barreto, Raul Prysthon, Amalia Souza, Lourdes Monteiro, Luiza Oliveira, Mayeber de Carvalho, e Carlos Torres.

Há 85 anos, o Náutico ao vencer o Sport por 8 x 1, no Campo do Malaquias, era campeão de futebol de 1934. Os gols foram Fernando Carvalheira (3), Arthur Carvalheira (2), Estácio (2) e Zezé pelo Nautico. Marcilio descontou pelo Sport.  O alvirrubro jogou com Epaminondas, Salsa e Salsinha; Taurino, Edson e Rafael; Zezé, Artur, Fernando, Estacio e J. Manuel.

Há 75 anos, acontecia no Grande Hotel, show do cantor Ronaldo Lupo.

Há 75 anos, era inaugurado, na Rua 1º de Março, pelo banqueiro Jorge Baptista da Silva, o Banco Nacional de Pernambuco, o Banorte.

Há 15 anos, o Santa Cruz ao vencer o Petrolina, por 2 x 1, em Petrolina, era campeão pernambucano de futebol de 2005, antecipadamente. Os gols foram Carlinhos Bala e Roberto (SC) e Eliomar (Petrolina). O Santa Cruz jogou com Cléber, Osmar, Carlinhos, Roberto e Peris; Neto, Andrade, Zada e Rozembrick (Otacílio); Carlinhos Bala e Paulinho. O técnico foi Givanildo Oliveira.

De volta para o passado

Há 110 anos, nascia em Pernambuco, a senhora Dolores Saboya Petit, que morreu no dia 19 de agosto de 1994.

Há 90 anos, o Torre vencia o Flamengo por 2 x 0 e era campeão pernambucano de futebol de 1929. Os gols foram Agnello e Piaba, Time do Torre jogou  com Valença, Miro e Hermes; Leleco, Faustino e Costa; Agnello, Piaba, Maturano, Letona e Aldo.

Há 60 anos, passava pelo Recife, com destino a Europa, a atriz alemã Elga Andersen.

Há 40 anos, Miss Pernambuco de 1964, Ana Maria Costa e o marido Celso Meireles de Oliveira Santos, que moravam em São Paulo, vieram passar o carnaval no Recife, com as filhas Patrícia (13), Valeria (12) e Ligia (2).

Há 30 anos, morria no Rio de Janeiro, o técnico Yustrich (Dorival Knippel), que nasceu no dia 29 de setembro de 1917.

Há 20 anos, morria no Rio de Janeiro, a atriz Nadia Maria, que nasceu no dia 7 de outubro de 1931.

Acontecencias

Reflexões sobre o arquétipo feminino na arte permeiam a exposição Artista, o Substantivo no Feminino, mostra coletiva que está em cartaz o dia 28 de fevereiro, na ArtEEdições Galeria, localizada Jô Jardim América, em São Paulo, com Catherine Yass, Cris Rocha, Elizabeth Magill, Leda Catunda, Sonia Gomes e Rachel Whiteread. Informa Marilia Borges, que assina o texto da mostra.

Lucas Viana curtindo o Beack Park, em Fortaleza (Foto: Divulgação)

Campeão do reality da Record A Fazenda 2019, Lucas Viana já tem destino e planos mais que certos para 2020. Pela primeira vez no Beach Park, um dos melhores parques aquáticos do mundo segundo o TripAdvisor, o modelo comentou quais serão os próximos passos pelo mundo. Lucas seguiu domingo até Orlando e Las Vegas, depois pretende conhecer Dubai e a Europa.

Morre Cabral, um ídolo tricolor

O deus de ébano tricolor Cabral (Foto: Luiz Gonzaga)

Enquanto o Brasil comemorava, sábado, o bicampeonato do Flamengo, na Libertadores, o futebol pernambucano perdia um ídolo. Estamos nos referindo ao lateral José Paes Cabral, que nasceu no dia 1 de janeiro de 1948, Pernambuco. Foi campeão pelo Santa Cruz em 1969, bi em 1970, tri em 1971, tetra em 1972 e penta em 1973.

Gena, Rivaldo, Valter, Detinho, Antonino e Cabral; agachados: Miruca, Givanildo, Fernando, Santana, Luciano e Ramon (Foto: Memórias do Santa Cruz)

Cabral tinha 1m79 de altura, jogou começou sua carreira, aos 19 anos pelo Clube Ferroviário do Recife. Em 1974 jogou pelo Rio Negro do Amazonas, pelo Sporting de Portugal e pelo America do Recife, em 1975. Era viúvo e encerrou sua vida esportiva em 1986, aos 38 anos, jogando pelo Paulistano de Pernambuco.

Cabral O bicampeão pernambucano Cabral (Foto: Memórias do Santa Cruz)