Fernando Machado

Blog

Tag Bonecos

Notícias da Bahia

Momentos mágicos. Assim os alunos da Escola Municipal Maria Felipa, do bairro de Tancredo Neves, descreveram sexta-feira, ao assistir ao espetáculo Circo de Só Ler. Criado pelo professor de história e compositor Gerson Guimarães, o teatro de bonecos (marionetes) é um musical que conta a história de um menino que gostava de brincar, ver TV e jogar vídeo games, mas, até então, não gostava de ler. Com a chegada de um circo muito diferente na cidade, ele descobre um novo mundo via a leitura.

O projeto Noites do Forró encerrou mais uma temporada neste domingo em Salvador. A banda Forró Massa Pé comandou a festa que levou turistas e soteropolitanos ao Largo Pedro Arcanjo com um show gratuito.  O espetáculo começou antes do por do sol e adentrou a noite com um repertório valorizando este ritmo genuinamente nordestino. A Noites do Forró nasceu em 2016 no Pelourinho com o objetivo  de preservar a cultura nordestina.

 

Anotações do Cotidiano

No dia 21 de fevereiro, às 19h30, no JCPM Trade Center, vamos ter a palestra do jornalista Fernando Castilho, sobre A Recuperação da Economia Brasileira resiste a incerteza das eleições de 2018? A organização do Tatiana Marques Cerimonial e Evento. Informação pelo telefone (81) 2467.1973. Fernando que é PHD em economia tem uma coluna no Jornal do Commercio.

O jornalista Fernando Castilho falará no ciclo de palestras (Foto: Fernando Machado)

Romero Ferro leva o Frevália até o Rio de Janeiro. Estará na CasaBloco, na Casa França-Brasil, e é promovida pela Associação de Blocos do Rio de Janeiro, Globo News e a Tess Comunicação, até o dia 13 de fevereiro, das 10às 18h e das 21h às 4h. Teremos os DJs Lala K, e Pepe Jordão, além dos Bonecos Gigantes de Olinda.

O sucesso do Brazilian Day 2012

Há cinco anos, acontecia na Avenida das Américas, em Nova Iorque, o Brazilian Day e o local estava tomado de brasileiros, norte-americanos, chineses, japoneses e latinos americanos para se divertirem na maior festa de invasores da Big Apple. Para João de Matos, coordenador do evento, tinha cerca de um milhão e meio de pessoas. E porque desmentir boato do bem? O importante era divulgar o evento e claro o Brasil.

Alencar Silveira, Alberto Feitosa, Alberto Pinto Coelho e o filho Daniel (Foto: Fernando Machado)

Tarcisio Regueira, Karina Maux, Isabela Gayoso, Fabiana Galvão, Cecilia Ramos, Karlla Barbosa e Heloisa Prass (Foto: Fernando Machado)

Quando o apresentador Serginho Groisman, anunciou a entrada do arrastão promovido por Pernambuco, o público já estava delirando ao ritmo de Vassourinhas. E nosso Estado brilhou mais uma vez no Brazilian Day graças à intervenção do secretário Alberto Feitosa, do presidente da Empetur, Andre Correia (é bom lembrar que isso deve ao apoio do governador Eduardo Campos). Não esquecer a Secretaria de Turismo do Recife, leia-se Carlos Braga.

Simone à côté Luiz Lima atrás João Paulo Gomes em tempo de fotografar (Foto: Fernando Machado)

Rayanne Moraes nos bastidores (Foto: Fernando Machado)

A Embaixada dos Bonecos Gigantes, de Leandro Castro, formada por Pelé, Luiz Gonzaga, Caboclo de Lança e Michael Jackson não puderam fazer suas evoluções no meio da multidão. Por questão de segurança. Porém eles ficaram fazendo arrasaram nos arredores do palco principal. Nele se apresentaram o cantor Latino, que estava com a então noiva a Miss Rio de Janeiro de 2013, Rayanna Moraes nos bastidores, e a dupla sertaneja Jorge e Matheus.

Rosário e Paulo Menezes (Foto: Fernando Machado)

Felipe Natan e Janaina Lima (Foto: Fernando Machado)

As ruas que rodeavam a 6ª Avenida estavam tomadas de vendedores de comidas e bugigangas. Lembrava muito nosso Carnaval. O importante é que o Frevo e conseqüentemente Pernambuco marcou presença no Brazilian Day 2012. Tínhamos uma ala especial com bufê montado e tudo. E como não poderia faltar, um curral vip. Nele estavam o então vice-governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho com o filho Daniel e o deputado mineiro Alencar Silveira.

Wanda Chase matando saudades do Carnaval do Recife (Foto: Fernando Machado)

O Caboclo de Lança e Michael Jackson fazendo sucesso (Foto: Fernando Machado)

Realmente foi muito boa a gestão de Alberto Feitosa como Secretário Estadual de Turismo, aliás, até agora foi o melhor. Quando reescrevia essa matéria bateu uma saudade. Todavia o importante é que vivi intensamente aqueles momentos. Curtir Nova Iorque em qualquer época do ano é sempre bom. Participei de do Brazilian Day de 2011 a 2013 e eles foram inesquecíveis. Obrigado Alberto Feitosa por esta chance.

Brazilian Day: Lavagem da Rua 46

Há cinco anos, acontecia à lavagem da Rua 46, em Nova Iorque, como parte do Brazilian Day de 2012. Antes de seguirmos até o local tivemos um brunch no Saju Bistrot, na Rua 44, por sinal excelente. Depois puxado pelo Maestro Spok e sua orquestra, e pelos bonecos gigantes de Leandro, os jornalistas convidados pelo O secretário de Turismo, Alberto Feitosa, seguiram em arrastão até a Rua 46.

Alberto Feitosa no passo rasgado sendo observado por Luiz Lima e Carlos Braga (Foto: Fernando Machado)

Anthony Henry, Luana dos Santos, Brokkie Duddie e Isabela Marinho (Foto: Fernando Machado)

A 46 também conhecida como a Meca dos Brasileiros em Nova Iorque, fomos ouvindo os frevos. Foi indescritível a gente ouvir Cabelo de Fogo do Maestro Nunes, pois contagiou até os gringos. E quando o cortejo entrou na 5ª Avenida o Maestro Spok atacou de Vassourinhas, do esquecido compositor Mathias da Rocha, os brasileiros (cariocas, paulistas, mineiros entre outros), latinos, japoneses e os ianques traçaram um passo rasgado.

Maestro Spok, entre os cantores baianos Del Feliz e Edu Casanova (Foto: Fernando Machado)

Gabriel Ezon, Gabriela Sversut e Freddy Garcia (Foto: Fernando Machado)

É ou não para se tirar o chapéu para o secretário Alberto Feitosa pela ousadia de levar o frevo para a Big Apple? É de nos deixar orgulhosos de ser pernambucanos. No palco montado na Rua 46 havia um pequeno publico para aplaudir os cantores. Quando foi apresentado o Maestro Spok e atacou mais uma vez de Vassourinhas, o publico foi ao delírio e repente mais do que de repente o público dobrou.

Carlos Braga, Luciana Fernandes e Andre Correia (Foto: Fernando Machado)

Os transformistas Rosa Rosalina e Miss Serena não podiam deixar ir para a Rua 46 (Foto: Fernando Machado)

Era tão bom que Vassourinhas fosse mais tocado no Recife. O Maestro Spok convidou dois artistas baianos Del Feliz e Edu Casanova para cantarem Manga Rosa de Alceu Valença. Os bonecos gigantes de Pelé (o mais solicitado), Luiz Gonzaga, do Caboclo de Lança e Michael Jackson viraram também celebridades. Todo mundo queria posar ao lado deles.

  • 1 2 5