Fernando Machado

Blog

Tag Bolsa

Nos Bastidores da Política

O BNDES já aprovou R$ 600 milhões em financiamentos no âmbito do Programa Emergencial de Acesso a Crédito na Modalidade de Garantia de Recebíveis. Os recursos beneficiam mais de 20 mil pequenos negócios. O valor médio dos empréstimos praticados até o momento foi de R$ 28,4 mil. O programa, instituído pela Lei nº 14.042/2020, está funcionando desde 1º de outubro e se insere no conjunto de medidas emergenciais promovidas pelo BNDES com o Ministério da Economia para combater os impactos econômicos causados pela pandemia da Covid-19.

Os beneficiários do Bolsa Família têm até o próximo dia 30 para contestar o cancelamento do Auxílio Emergencial e a extensão do benefício. Para realizar o pedido de contestação, não é necessário se dirigir a nenhuma agência da Caixa, lotérica ou posto de atendimento do Cadastro Único. As solicitações devem ser feitas exclusivamente por meio do site da Dataprev pelo responsável familiar, ainda que a contestação seja em nome de outro membro da família.

O Ipea divulgou um retrato do trabalho remoto no Brasil. Em setembro, aproximadamente 8 milhões de pessoas seguiam trabalhando em home office, o que representa 10,7% dos 82,9 milhões de pessoas ocupadas e não afastadas. Os profissionais em trabalho remoto foram remunerados em R$ 35,5 bilhões no mês, ou seja, 20% dos R$ 176,7 bilhões que correspondem à massa total de rendimentos efetivamente recebida por todas as pessoas ocupadas no país. As estimativas do estudo intitulado O Trabalho Remoto e a Massa de Rendimentos na Pandemia foram calculadas com base na Pnad Covid-19, divulgada pelo IBGE.

Nos Bastidores da Política

Os aeroportos do Galeão, no Rio de Janeiro, e o de Guarulhos, em São Paulo, foram reconhecidos internacionalmente por adotarem uma série de medidas para a proteção à saúde dos viajantes durante a retomada dos voos. O primeiro recebeu, no início do mês, o selo da World Travel & Tourism Council que tem a chancela da Organização Mundial do Turismo. Já o segundo foi certificado pelo Airport Health Accreditation, entidade que avalia os protocolos implementados para a promoção da segurança dos passageiros, frequentadores e funcionários.

Até o próximo dia 30, os integrantes do Programa Bolsa Família  recebem o benefício de R$ 300 ou R$ 600, conforme o calendário do programa, incluindo a primeira parcela da extensão do Auxílio Emergencial aos trabalhadores de famílias beneficiárias. Das mais de 14,27 milhões de famílias contempladas na folha de pagamento de setembro, 12,4 milhões receberão a parcela relativa ao valor habitual do programa somada à nova fase do auxílio.

Anotações do Cotidiano

O setor de serviços no Brasil avançou 5% na passagem de maio para junho e interrompeu uma sequência de taxas negativas dos quatro meses anteriores, quando havia acumulado uma perda de 19,5%. Mesmo com o resultado positivo de junho, o volume de serviços ficou 14,5% abaixo do patamar registrado em fevereiro, último mês antes da implementação das medidas de isolamento social para controle da pandemia de Covid-19. Na comparação com junho de 2019, a queda é de 12,1%. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços, divulgada pelo IBGE.

O violinista Luhan Lucena, ex-aluno da Orquestra Criança Cidadã, ganhou bolsa de estudos da Nicholls State University, no Estado da Louisiana, nos Estados Unidos. No entanto, mesmo com bolsa integral, o jovem solista necessita de recursos para compra de roupas de frio, pagamento de taxa de visto, renovação de passaporte e outros itens pessoais. As contribuições podem ser feitas pelo link: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-luhan-lucena-a-estudar-nos-estados-unidos

Anotações do Cotidiano

O Bolsa Família chegou a 14,283 milhões de famílias em todo o país em julho. Mais de 95% do público beneficiário recebeu o Auxílio Emergencial do Governo Federal destinado às pessoas mais vulneráveis para ajudar no enfrentamento da crise causada pelo novo coronavírus. Com esse recurso, a renda média das famílias foi de R$ 1.115,05, num investimento de mais de R$ 15,1 bilhões do Governo Federal. Das 14,283 milhões de famílias, 704.125 permaneceram na folha de pagamento regular do programa, o que representa um aporte de R$ 112,7 milhões por parte do Governo.

Lançado no dia 4 de junho deste ano, o selo Turismo Responsável – Limpo e Seguro já foi solicitado por 12.450 prestadores de serviços turísticos no Brasil. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações do Ministério do Turismo para incentivar a retomada da atividade no Brasil. A ideia é que os turistas possam se sentir mais seguros para viajar e frequentar locais que cumpram protocolos específicos para a prevenção da Covid-19.