Fernando Machado

Blog

Tag aviação

Nos Bastidores da Política

O Ministério da Saúde habilitou mais 540 novos leitos de UTI exclusivos para o tratamento de pacientes com Covid-19 no SUS. Das unidades habilitadas nesta segunda-feira, nove foram na Paraíba, 10 em Pernambuco, 42 no Paraná, 78 no Rio Grande do Sul, 45 em Santa Catarina, 88 em São Paulo, 11 em Mato Grosso, 18 em Alagoas, 94 na Bahia, 60 no Distrito Federal, 80 no Maranhão e cinco no Pará. As habilitações são parte do apoio irrestrito do Governo Federal aos estados e municípios para reforçar o combate à pandemia. O objetivo é cuidar da saúde de todos e salvar vidas.

Amanhã, das 10h ao meio-dia, a Agência Nacional de Aviação Civil irá promover o webinário com o tema Aspectos de Fatores Humanos no SGSO dos Operadores Aeroportuários. Destinado a operadores de aeródromos e responsáveis pelos Sistemas de Gerenciamento de Segurança Operacional de aeródromos, o webinário é gratuito e será transmitido em tempo real, sendo condicionado à inscrição prévia pelo Portal de Capacitação da ANAC. Historicamente, estima-se que 85% dos eventos que resultaram em acidentes na aviação são decorrentes de fatores humanos.

Pausa Poética

“As invenções são, sobretudo, o resultado de um trabalho teimoso”. Alberto Santos Dumont (1873/1932)

 

De Volta para o Passado

Há 95 anos, acontecia no Teatro do Parque, o Festival para o ator Izidoro Alacid.

Há 65 anos, nascia em Pernambuco, o jornalista Ricardo Costa Pinto, que morreu no dia 22 de julho de 1989.

Josenilda Fernanda Airola e o jornalista Cacho Borges (Foto: Divulgação)

Há 55 anos, acontecia no Náutico, a III Festa da Aviação. As candidatas foram Telma Lucia Oliveira (Vasp), Josenilda Fernanda Airola (Varig), Francesca Modicamore (Panair), Maria José Cavalcanti Guedes (Transalpina Turismo) e Marisete Matos (Ávila Turismo). A Madrinha foi Josenilda Fernanda Airola.

Há 55 anos, as mulheres faziam no Recife Comício pela Democracia.

Há 25 anos, o filme A Lista de Schindler de Spielberg recebia 7 Oscar, na entrega do Premio da Academia de Cinema de Hollywood.

Um jogo inesquecível do Santa Cruz  

Há 100 anos, o Santa Cruz vencia o poderoso Botafogo do Rio de Janeiro, no Campo do Malaquias, do Sport, por 3×2. Foi o primeiro time do norte e nordeste a vencer um time carioca. Os gols foram de Nequinho, Tiano e Miranda pelo tricolor do Arruda e Patriot (2) pelo alvinegro carioca. Naquela tarde os rubro-negros inauguravam sua arquibancada que compraram ao Fluminense do Rio de Janeiro.

O time do Santa Cruz (Reprodução do site Memórias do Santa Cruz)

O Santinha jogou com Ilo Just, Jorge e Bebé; José de Castro, Teofilo e Manoel Pedro, Neguinho, Miranda, Tiano, Pitota e Eurico. O Botafogo jogou com Abreu, Monte e Osny; Burlamaqui, Vadinho e Police, Celso, Patriot, Zé Macaco, Menezes e Leite de Castro. Não esquecer que naquela data estava no Recife, o Pai da Aviação Alberto Santos Dumont.

O time do Botafogo Futebol e Regatas (Reprodução do site Memórias do Santa Cruz)

A torcida do Mais Querido invadiu o centro da cidade. Santos Dumont estava no restaurante Leite, parece, e quando viu aquele alvoroço na Rua da Concórdia, pensou que era para ele. Ficou desapontado, pois os torcedores carregavam Tiano que deu a vitória ao Santa Cruz. Depois ele comentou que torcida animada é essa.

O goleiro Ilo Just um dos grandes nome da tarde e o troféu que o Santinha recebeu pela vitória (Fotos: Diário da Manhã e Edvaldo Leite)

Não esquecer que o juiz carioca, Carlos Nery Stelling, que veio na delegação da embaixada botafoguense, marcou um pênalti inexistente para o Botafogo. O Santa Cruz vencia por 2×1 e Patriot empatou o jogo. Mas no final da partida Tiano fez o gol da vitória e levou a torcida à loucura.