Fernando Machado

Blog

Pausa Poética

“Sou mais pobre do que Jó. / Sou mais rico do que Salomão. /  Sou um poeta. / Sou o maior de todos os descobridores. / Sem navio, sem bússola e sem leme, / descubro istmos e estrelas”. Deolindo Tavares (1918/1942)

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.