Fernando Machado

Blog

Parabéns, 7ª Região Militar!

a-marcio-roland-heise-fatima

O general Márcio Heise e Fátima (Foto: Fernando Machado)

a-tropa12

O desfile da tropa diante das autoridades (Foto: Fernando Machado)

Aconteceu ontem, pela manhã, no Quartel General no Engenho do Meio, a formatura alusiva ao centenário de criação da 7ª Região Militar. O local é um verdadeiro santuário ecológico, rodeado de palmeiras imperiais, ciprestes e outras árvores mais. Fundada em 23 de fevereiro de 1915, como 2ª Região Militar, depois virou 6ª Região Militar e finalmente em 7ª Região Militar, e tem como patrono Matias de Albuquerque.

a-hitomi-sekiguchi-fatima-heise

A cônsul do Japão Hitomi Sekiguche e Fátima Heise (Foto: Fernando Machado)

O primeiro comandante foi o general de brigada Joaquim Ignácio Baptista Cardoso e o atual é o general de divisão Márcio Roland Heise. O host da cerimônia foi o Major Mendonça que abriu os trabalhos dizendo que ela tem por finalidade comemorar o centenário de criação da 7ª Região Militar, Região Matias de Albuquerque. Na sequencia foi cantado a Canção do Exercito, de autoria do major Alberto Augusto Martins e de Teófilo de Magalhães.

a-marcelo-roland-heirse-carlos-alberto-meirelles-velho

Os comandante Márcio Heise e Carlos Alberto Meirelles Velho (Foto: Fernando Machado)

Coube a Banda de Musica do CMNE, sob a regência do tenente Rubens, dar aquele toque de pompa e circunstâncias, sem esquecer de patriotismo. E um coral formado por mais de mil vozes cantou: “Nós somos da Pátria a guarda, / Fiéis soldados, / Por ela amados. / Nas cores de nossa farda / Rebrilha a glória, / Fulge a vitória. / Em nosso valor se encerra / Toda a esperança / Que um povo alcança. / Quando altiva for a Terra / Rebrilha a glória, / Fulge a vitória”.

a-sandra-magalhães-fatima-heise-glaucia-ananias

Sandra Mattos, Fátima Heise e Gláucia Ananias (Foto: Fernando Machado)

Quando começou o refrão: “A paz queremos com fervor, / A guerra só nos causa dor. / Porém, se a Pátria amada / For um dia ultrajada / Lutaremos sem temor. / Como é sublime / Saber amar, / Com a alma adorar / A terra onde se nasce! / Amor febril / Pelo Brasil / No coração / Nosso que passe. / E quando a nação querida, / Frente ao inimigo, / Correr perigo, / Se dermos por ela a vida / Rebrilha a glória, / Fulge a vitória”, lembrei dos pracinhas da FEB, na Itália.

a-romulo-meneses-ronan-drummond

Rômulo Meneses e Ronan Drumond (Foto: Fernando Machado)

Na sequencia tivemos a entrega dos Diplomas do Círculo de Amigos da Região Matias de Albuquerque, que recebi quando o então comandante era o amigo General Nilson Ananias. Os agraciados este ano foram Carlos Eduardo de Oliveira Lima, Gildo Nunes Machado, Ivette Maria Buril de Macedo, Leonardo Gomes Menezes, Luciene Rafael de Aguiar, Simone Maria Araújo e Thiago Cezar Rocha Azevedo.

a-pollyanna-jose-antonio-de-sa

Pollyanna e José Antônio de Sá (Foto: Fernando Machado)

Ainda tivemos a fala do comandante General Marcio Heise, que entre outras coisas lembrou a Tomada do Monte Castelo pelos soldados da FEB. Claro que muitos destes heróis morreram combatendo pelo Brasil, aliás tinha alguns deles, vestidos a caráter, na solenidade. Aconteceu o Desfile da Tropa tendo como fundo musical o Hino a Guararapes e o Desfile Motorizado. O sol e calor intensos não desanimaram os convidados.

a-ines-pessoa-nise-pedroso-fatima-heirse-monica-lima-da-silva

Inês Pessoa, desembargadora Nise Pedroso, Fátima Heise e Mônica Lima da Silva (Foto: Fernando Machado)

E encerrando a parte militar surgiram no pátio 18 soldados da 2ª Companhia de Guardas, sob a batuta de dois outros, um no tarol e outro no bombo, para uma Ordem Unida sem Comando. Pense num momento onde a sincronização reinou do começo ao fim. Foi lindo demais e na despedida veio a consagração com os aplausos de todos. Quem deveria ter adorado esse momento de arte era o notável coreografo polaco Vaslav  Nijinsky (1889/1950).

a-ordem-unida

A Ordem Unida sem Comando (Foto: Fernando Machado)

Depois o comandante Marcio Heise à côté a esposa Fátima movimentou um coquetel, dos mais alinhados, no saguão superior do pavilhão do comando. O bufê foi assinado pela Crystal e no cardápio destacamos sunomomo com pepino e kane, salada de penne com camarão, caponata de berinjela, vários tipos de queijos, presunto e peru defumado. Agradeço a ajuda da tenente Mayara Azeredo para que pudéssemos escrever este artigo.

a-wellington-cavalcanti-mayara-azeredo

O subtenente Wellington Cavalcanti e a tenente Mayara Azeredo (Foto: Fernando Machado)

a-guarda--matias-albuquerque

A guarda de honra ao patrono Matias de Albuquerque (Foto: Fernando Machado)

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.