Fernando Machado

Blog

O Ranking da Saúde no Brasil

O Rio Grande do Norte é o único estado do Nordeste a investir em saúde mais do que determina a Constituição Federal. O Estado investe nesta área 18,65%, segundo dados do próprio Ministério da Saúde, enquanto Bahia e Sergipe investem apenas o que determina a lei: 12,07% e 12,02%, respectivamente. Os dados foram divulgados segunda-feira pelo jornal Folha de S. Paulo.

No patamar dos que investem mais de 12% estão, por ordem de classificação, estão: Amazonas (23,8%), Distrito Federal (19,64%), Rio Grande do Norte (18,65%), Amapá (15,87%), Tocantins (15,12%), Roraima (14,46%), Acre (13,27%), Pará (12,57%), São Paulo (12,08%), Bahia (12,07%) e Sergipe (12,02%).

Os que investem abaixo dos 12% preconizados na Constituição estão: Rondônia, Santa Catarina, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Alagoas, Pernambuco, Espírito Santo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Goiás, Ceará, Piauí, Paraíba, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. O que estes 16 estados deixaram de aplicar na área de saúde em 2007 representa um volume de R$ 3,6 bilhões, recursos suficientes para construir 70 hospitais de médio porte. Em pior situação está o Rio Grande do Sul, que investe apenas 3,75%.

1

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.