Fernando Machado

Blog

Categoria Nos bastidores da Política

Nos Bastidores da Política

O Governo do Brasil segue reforçando o SUS para garantir o cuidado à saúde de todos os brasileiros no enfrentamento à Covid-19, quinta-feira autorizou, de uma só vez, o repasse de mais R$ 13,8 bilhões – maior valor já liberado em uma única fase. Os recursos podem ser usados para melhoria da oferta dos serviços hospitalares e de Atenção Básica por meio da aquisição de insumos e produtos, custeio de intervenções médicas, contratação de profissionais de saúde, entre outras benfeitorias na rede pública de saúde, com foco na assistência ao cidadão. Ao todo, já são cerca de R$ 25 bilhões destinados exclusivamente para a Covid-19.

A pesquisa de um creme protetor inédito que será empregado pela empresa Goiana Vitalife, no desenvolvimento de uma luva antisséptica hidratante para profissionais da saúde, de ação imediata e prolongada, acaba de receber recursos de R$ 742,5 mil da Finep, financiadora do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações. Esse projeto é o primeiro aprovado no edital que destinou R$ 8 milhões, em recursos de subvenção econômica do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, para apoio ao desenvolvimento de Equipamentos e Sistemas de Proteção Individual (EPI) e Coletiva (EPC).

O Comando Conjunto Nordeste prestou apoio logístico em ação social à população do município de Pedra, Pernambuco. A atividade contou com a participação de 28 militares e o apoio do 71º Batalhão de Infantaria Motorizado. Na ocasião, foram entregues cerca de mil cestas básicas, água mineral, roupas, calçados, brinquedos e materiais de higiene pessoal. Ao longo desta semana, o 53º Batalhão de Infantaria de Selva, em apoio à Funai, iniciou higienização, carregamento e transporte de 1,7 mil cestas básicas. Os mantimentos seguem por 800 km de estrada não pavimentada, ao longo da BR-230, no sudoeste paraense, para beneficiar comunidades indígenas de Jacareacanga, no mesmo Estado.

Nos bastidores da Política

Este mês, alunos em situação de vulnerabilidade social de institutos federais e universidades federais contarão com internet gratuita disponibilizada pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Educação. A iniciativa é uma parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa. Segundo o MEC, os alunos beneficiados são os que possuem renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. A renda mensal familiar por capita é a soma total da renda bruta no mês de todos aqueles que compõem a família, dividida pelo número de seus integrantes.

Em Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Piauí, Instituições de Longa Permanência para Idosos serão contempladas com o auxílio emergencial anunciado quarta-feira. Os recursos serão liberados pela Federação Brasileira de Bancos e bancos associados, após articulação do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Em todo o país, mais de 1,7 mil pessoas idosas e 29 ILPIs receberão, ao todo, R$ 3,5 milhões durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Os valores serão repassados por meio do projeto Todos pela Saúde, que inclui medidas de prevenção, diagnóstico, tratamento e acompanhamento dos idosos.

Nos bastidores da Política

Foi sancionado, pelo Presidente Jair Bolsonaro, a Lei que trata de ações emergenciais destinadas ao setor cultural a serem adotadas durante a pandemia de coronavírus. Com isso, serão transferidos R$ 3 bilhões aos estados, Distrito Federal e municípios. Os recursos serão repassados de três formas: renda emergencial, no valor de R$ Ministério das Comunicações 600, pagos semanalmente em três parcelas; e editais, chamadas públicas, prêmios, aquisição de bens e serviços vinculados ao setor cultural e outros instrumentos destinados à manutenção de iniciativas culturais.

Já está disponível para download a mais recente edição de Hortaliças em Revista (HR), em formato eletrônico disponível no Portal da Embrapa Hortaliças. Em sua 30ª edição, referente ao primeiro quadrimestre de 2020, a publicação reflete, em suas páginas, as mudanças relacionadas ao novo cenário imposto pela pandemia global da Covid-19 e suas consequentes implicações no cotidiano das pessoas.

Com quase seis milhões de downloads de textos e publicações na íntegra, no mês abril, o Portal de Periódicos tem ajudado diversos pesquisadores da pós-graduação, inclusive nos estudos sobre a Covid-19. Os acessos gratuitos aos acervos completos aumentaram 7,5% na comparação com 2019, de acordo com os dados da CAPES. Em abril do ano passado, os acessos foram de 5,3 milhões. Este ano, no mesmo mês, chegaram a 5,7 milhões. O levantamento mostra que mais estudantes, por não poderem frequentar as bibliotecas das suas instituições de ensino, passaram a baixar os conteúdos dos acervos para continuarem suas pesquisas neste período de isolamento.

Nos Bastidores da Política

A ministra Tereza Cristina participou quarta-feira do lançamento do Plano Safra do Banco do Brasil, que terá R$ 103 bilhões disponibilizados para o setor. A ministra lembrou que o Banco do Brasil é parceiro histórico e fundamental do governo no Plano Safra. Destacando os números gerais do Plano Safra lançado pelo governo, Tereza Cristina disse que os recursos vão garantir a continuidade da produção no campo e o abastecimento de alimentos no país durante e após a pandemia do novo Coronavírus.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, destinou R$ 160 milhões para Instituições de Longa Permanência para Idosos. O recurso tem como objetivo auxiliar estes locais no combate à pandemia de Covid-19. O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos será o órgão responsável por distribuir os recursos de acordo com o número de idosos atendidos em cada instituição. A previsão é que o dinheiro seja compartilhado entre as 2,6 mil ILPI’s, que abrigam, atualmente, mais de 88 mil idosos em todo o Brasil.

O Programa Nacional de Incentivo ao Voluntariado (Pátria Voluntária) realizou terça-feira, parte da entrega das doações de mantas e chinelos arrecadados para beneficiar pessoas em situação de rua. A iniciativa partiu da presidente do Conselho do Programa, Michelle Bolsonaro, a partir de um pedido da ONG Mãos Solidárias, que precisava de ajuda para atender cerca de 200 homens que hoje estão abrigados no Alojamento Provisório da Ceilândia. Na segunda-feira, acompanhada da equipe do programa, a primeira dama foi, pessoalmente, buscar os donativos nos Ministérios, que foram os pontos de coleta.