Fernando Machado

Blog

Categoria futebol

Copa do Mundo de 1950

Há 70 anos, acontecia na Ilha do Retiro, às 14h50, o único jogo da Copa do Mundo de 1950, no Recife. E a partida foi entre o Chile que venceu os Estados Unidos por 5×2. Os gols do Chile foram de Robleto, Prieto (2) e Cremaschi (2) e os dos EUA Wallace e Maca.

A seleção chilena (Foto: O Cruzeiro)

O Chile jogou com Livingstone, Machuca e Alvarez; Busquete, Faria e Rojas; Riera, Cremaschi, Robleto, Prieto e Ibanez. Os EUA com Berghi, Keough e Maca; Mcllveny, Colombo e Bahr; Wallace, Pariani, Guaetjens, Souza I e Souza II.

O selecionado norte-americano (Foto: Diário da Manhã)

Brasil conquista a Jules Rimet

Há 50 anos, o Brasil ao vencer a Itália, no estádio Azteca, no México por 4 x 1, era tricampeão mundial de futebol de 1970. E conquista a Taça Jules Rimet definitivamente. Os gols foram de Pelé, Gerson, Jairzinho e Carlos Alberto pelo Brasil e Bonisegna pela Itália.

Carlos Alberto, Félix, Piazza, Brito, Clodoaldo e Everaldo; Jairzinho, Gérson, Tostão, Pelé e Rivellino (Foto: Site CBF)

O Brasil jogou com Félix; Carlos Alberto, Brito, Piazza, Everaldo; Clodoaldo, Gérson, Rivelino; Jairzinho, Tostão, Pelé e a Itália com Albertosi, Burgnich, Cera, Rosato, Facchetti; De Sisti, Bertini (Juliano), Mazzola (Rivera); Domenghini, Bonisegna, Riva.

O Dia do Goleiro e de Manga

Manga na sua juventude e adulto (Fotos: Divulgação)

Hoje, no Brasil, é o Dia do Goleiro. Uma homenagem ao pernambucano Hailton Correia de Araujo, mas conhecido como Manga, que nasceu no dia 26 de abril de 1937 e tem 1m86 de altura. Começou a atuar no Sport Clube do Recife na sequencia seguiu para o Botafogo do Rio de Janeiro, Nacional do Uruguai, Internacional de Porto Alegre, Operário do Mato Grosso do Sul, Coritiba do Paraná, Grêmio de Porto Alegre, e Barcelona de Guayaquil no Equador.

Manga quando jogava no Botafogo carioca (Foto: Divulgação)

O Mito Manga, deverá ser cumprimento no Retiro dos Artistas, pelos 83 anos de idade, onde está residindo, teve uma carreira brilhante. Aposentou-se em 1982, aos 45 anos de idade. Jogou na seleção brasileira, na Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra. Sobre sua vida familiar pouco se sabe apenas que foi casado duas vezes. Do primeiro casamento teve dois filhos Adilson que morreu em 2011 e Wilson Pereira de Arruda. Manga foi, segundo a crítica especializada, um dos melhores goleiros da história do futebol brasileiro.

Manga se encontro com o filho Wilson de pois de duas décadas (Foto: Igor Castello Branco)

Adrien no Soccer Festival 2020

Adrien Vanegue, de camisa verde, se prepara para fazer o primeiro gol (Foto: Julien Vanegue)

O meu sobrinho neto, Adrien Vanegue, que joga no Asphalt Green de New York, e disputou em Orlando, no inicio do mês a Bronze Cup da Disney President’s Day, pelo Soccer Festival 2020. Contra o West Florida Flames, Adrien fez os dois gols do Asphalt, mas infelizmente perdeu por 3×2. Também participaram do torneio o Pinellas County United e Inter of Miami. Apesar de apenas 10 anos, Adrien tem sido uma revelação no ataque do seu time.

Adrien marcando seu segundo tento (Foto: Julien Vanegue)

  • 1 2 4