Fernando Machado

Blog

Anotações do Cotidiano

Para marcar a mobilização do Setembro Amarelo, mês mundial de prevenção do suicídio, a Secretaria Nacional da Juventude vai distribuir mais de 200 mil pulseiras amarelas com a hashtag #dêumlikenavida. A iniciativa é do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e do Ministério da Saúde. A Sociedade Brasileira de Psiquiatria alerta que a iniciativa se torna ainda mais importante neste período de isolamento social provocado pela Covid-19 que leva ao surgimento de doenças mentais e agrava casos já existente. A avaliação é de que o falta de tratamento é um dos principais fatores que leva ao desfecho trágico da doença.

Apesar dos inúmeros casos de idosos que se recuperaram da Covid-19 no Brasil e no mundo, o total de vítimas do novo coronavírus acima de 60 anos ainda é assustador. Segundo o Ministério da Saúde, no país, pessoas com mais de 60 anos representam 71,4% das mortes, ou seja, a taxa de letalidade da doença é mais alta entre os idosos, população que compõem o chamado “grupo de risco”. Os pacientes entre 60 e 70 anos têm probabilidade de 0,4% de morrer, aqueles com idades entre 70 e 80 anos têm 1,3%, e os com mais de 80 anos, de 3,6%, revela levantamento feito em diversos países atingidos pela crise de saúde.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.