Fernando Machado

Blog

Tag revolução

Viva a Argentina!

Alejandro Funes Lastra e Maria Antonieta (Foto: Fernando Machado)

Quarta-feira foram comemorados os 209º de aniversário da Revolução de Maio, ou seja a Data Nacional da Republica Argentina. O cônsul geral da Argentina, Alejandro Manuel Funes Lastra, ao lado da consulesa Maria Antonieta movimentou recepção, no Chicama, localizado no Cabanga Iate Clube, em torno da data. O mestre de cerimônia foi Ronal Silvestre Bezerra que conduziu a cerimônia.

Guido Stütz e Ana Laura (Foto: Fernando Machado)

Javier Ramirez e Lorenza Lorenzi (Foto: Fernando Machado)

Primeiro tivemos a execução dos hinos do Brasil e da Argentina. Depois tivemos as falas do presidente argentino Mauricio Macri, via telão, do secretário de Cultura de Pernambuco, Gilberto Freyre Neto e do diplomata Alejandro Lastra. Depois foi erguido um brinde pelo aniversário da Revolução com espumante da terra de Carlos Gardel.

Alejandro Funes Lastra e Jiro Maruhashi (Foto: Fernando Machado)

Gabor de Zagon e John Barrett (Foto: Fernando Machado)

Também tivemos uma dupla de dançarinos da Escola de Dança Corpo & Expressão apresentando número de tangos. E na sequencia o Daniel Barreto Trio, formado por Fernando Bandolim (violão e bandolim), Manoelzinho do Acordeon (sanfona e acordeon), e Daniel Barreto (violão, voz e percussão), fez o fundo musical.

Gilberto Freyre Neto, Alejandro Funes Lastra e João Alberto (Foto: Fernando Machado)

Maria Köenning de Siqueira Regueira, Maria Antonieta Lastra e Lorenza Lorenzi (Foto: Fernando Machado)

No programa as músicas Poema de Francisco Canaro, Desde El Alma de Rosita Melo e Homero Manzi, Reliquias Porteñas de Francisco Canar, Tanguera Mariano Mores, A Média Luz de Lenzi e Donato, El Día que Me Quieras de Gardel e Le Pera, Bésame Mucho de Consuelo Velazquez, La Barca de Roberto Cantoral, Por Uma Cabeza de Gardel e Le Pera, Quizas Quizas de Oswaldo Farres.

Iara Dubeux  e Annelijn Van Den Hoek (Foto: Fernando Machado)

Margot Cherrida e Romain Louvet (Foto: Fernando Machado)

O menu grifado pelo chef Biba Fernandes estava muito gostoso. No cardápio empanadas de carne, cebola e queijo; tiras d picanha argentina, com chimichurri e mini batatas salteadas no azeite; picanha argentina grelhada, com vinagrete e farofa de gengibre, picanha argentina na chapa, com cebolas caramelizadas no shoyo e mel de engenho.

Christos Aravanis e Ana Paula Nebl Jardim (Foto: Fernando Machado)

Kartina Rivas, Sofia Dulgheroff, Ana Rivas, Alejandro Lastra, Carlos Lyra e João Alberto (Foto: Fernando Machado)

Ainda bife ancho sobre museline de macaxeira e alho poro crocante; risoto de bife ancho com legumes braseados, bife ancho grelhado, farofa de bacon e tiras de pimentões braseados na churrasqueira. Tudo isso regado a vinho argentinos da Domaine Bousquet Reserva Malbec.

Vice cônsul geral da China Shang Siyuan (Foto: Fernando Machado)

 

De Volta para o Passado

Há 170 anos, rendiam-se às forças do Governo, em Água Preta, os remanescentes da Revolução Praeira.

Há 100 anos, morria em Portugal, místico Francisco Marto, que viu Nossa Senhora de Fátima, que nasceu no dia 11 de junho de 1908.

Há 75 anos, nascia em São Paulo, o atleta Nelson Prudencio, que morreu no dia 22 de novembro de 2012.

Há 70 anos, acontecia recital da pianista Maria Lucia Regueira, no Teatro de Santa Isabel.

Há 65 anos, Mario Mascarenhas e sua Orquestra feminina de acordeom se apresentaram no terceiro aniversário da Radio Tamandaré.

Há 40 anos, nascia na Austrália, o ator Heath Ledger, que morreu no dia 22 de janeiro de 2008.

De volta para o passado

Há 170 anos, começava em Pernambuco, a Revolução Praeira, que terminou no dia 4 de abril de 1849.

Há 115 anos, nascia em Minas Gerais, o compositor Ary Barroso, que morreu no dia 9 de fevereiro de 1964.

Há 110 anos, nascia em Pernambuco, o cientista Oswaldo Gonçalves de Lima, que morreu no dia 21 de setembro de 1989.

Há 105 anos, nascia na Argélia, o escritor Albert Camus, que morreu no dia 4 de novembro de 1960.

Há 75 anos, a Faculdade de Medicina vencia os IV Jogos Universitários de Pernambuco e levou a Taça Presidente Vargas.

Há 70 anos, era lançada a maquete do Edificio Capibaribe, projeto de Figueira e Jucá.

Há 55 anos, Carole Joan Crawford, da Jamaica, era eleita Miss Mundo de 1963. Miss Brasil, Vera Lucia Ferreira Maia ficou nas semifinalistas. Participaram 40 candidatas.

Há 55 anos, a seleção pernambucana de hóquei em patins, era vice-campeã brasileira, no III Campeonato Brasileiro de Hóquei, em Petrópolis. O campeão foi São Paulo. Os atletas pernambucanos foram Tárcio, Betinho, Salatiel, Heninho, Times, Aluisio, Pig e Claudio.

De volta para o passado

Há 229 anos, acontecia a tomada de Paris, iniciando a Revolução Francesa.

Há 105 anos, era inaugurada a iluminação elétrica de Olinda.

Há 100 anos, nascia na Suécia, o cineasta Ingmar Bergmann, que morreu no dia 30 de julho de 2007.

Há 100 anos, nascia em Pernambuco, a executiva Maria Heloisa Gonçalves de Albuquerque, que morreu no dia 10 de dezembro de 1996.

Há 80 anos, nascia na Suécia, Hillevi Rombin, a Miss Universo de 1955, que morreu no dia 20 de junho de 1996. A Miss Brasil, Maria Emilia Correa Lima ficou no Top 15.

Maria Olívia, Anja, Norma Anna e Helen (Foto: O Cruzeiro)

Há 56 anos, Miss Argentina, Norma Nolan, era eleita em Miami, Miss Universo de 1962. Em 2º lugar ficou Anna Geirsdóttir da Islândia, em 3º Anja Järvinen da Finlândia, em 4º Helen Liu Shiu-Man de Taiwan e em 5º lugar Maria Olivia Rebouças do Brasil.

Há 40 anos, Carmelo de Castro, de Pernambuco, era eleito Mister Brasil de 1978, em Fortaleza.

 

Há 15 anos, morria em Pernambuco, a senhora Brites de Abreu e Lima Guerra, que nasceu no dia 16 de junho de 1917.

Há 10 anos, morria em Pernambuco, o artista plástico Zuleno Pessoa, que nasceu no dia 2 de agosto de 1915.