Fernando Machado

Blog

Tag placa

O Forró na Alepe

Quem passasse no inicio da noite da segunda-feira, pensaria que a Alepe tinha virado um imenso salão de forró. Tudo por conta da solenidade em homenagem ao forró, paixão do povo nordestino. O estilo foi difundido internacionalmente por compositores e intérpretes como Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Dominguinhos e o Trio Nordestino. No encontro por iniciativa do deputado Wanderson Florencio, 54 forrozeiros foram prestigiar à cerimônia, que foi presidida pelo deputado Tony Gel.

Os forrozeiros na Alepe (Foto: Giovani Costa)

Wanderson Florêncio que falou das origens da manifestação cultural entregou uma placa comemorativa ao radialista e compositor Ivan Ferraz. Em nome dos artistas, discursou o cantor e compositor Alcymar Monteiro. Entre os forrozeiros destacamos Genival Lacerda, Novinho da Paraíba, Petrucio Amoim e Fabiana Pimentinha. A mesa dos trabalhos foi composta por Tony Gel, a presidente da Associação dos Forrozeiros Pé de Serra, Tereza Accioly, os cantores e compositores Genival Lacerda, Alcymar Monteiro e Anastácia, além de Ivan Ferraz.

Flashes

Amanhã, a partir das 18h, Emerson Pires estará no comando da prévia carnavalesca do seu Em Cima Gin Bar, em Boa Viagem.

Adorei que o presidente Jair Bolsonaro vetou aquela placa padrão  Mercosul. Viva o Mito. Viva o Brasil.

Anotadas almoçando, segunda-feira, no Coco Bambu, do shopping Recife, as jornalistas Divane Carvalho e Lúcia Noya.

A jornalista Lucia Cavalcanti de Carvalho (Foto: Fernando Machado)

Morreu, ontem e será enterrada hoje, às 11h, no Cemitério Parque das Flores, no Curado, a executiva Lucia Carvalho.

Hoje, às 15h, os empresários Ricardo e Adriana Batista reúnem a imprensa para falar do formato soft open do Mercado da Torre.

O artista plástico Calico Pontual está expondo no Camará Shopping, até o dia 12 de abril. O Artesão autodidata nasceu em Camaragibe.

Até logo, Maitê Uhlmann

Quarta-feira, à noite, no restaurante Patuá, em Olinda, do chef Alcindo Queiroz, o Recife Convention & Visitor Bureau, leia-se o presidente Bruno Herbert Batista Lima, movimentou um happy hour em torno das despedidas da sua diretora executiva Maitê Ulhmann. que estava acompanhada do seu namorado Alexandre Nepomuceno. O local tem uma vista belíssima e uma decoração linda que é a cara da Marim dos Caetés, grifada pelo arquiteto Alexandre Mesquita.

a-maitê-uhlmann-bruno-herbert-gabriela-diaz

Maitê Uhlmann, Bruno Herbert e Gabriela Diaz (Foto: Fernando Machado)

a-andre-trajano-alcindo-queiroz-luiz-gonçalves

André Trajano, Alcindo Queiroz e Luiz Gonçalves (Foto: Fernando Machado)

O Recife Convention & Visitor Bureau foi fundado em 4 de abril de 2001. O primeiro presidente foi Danilo Pedrosa e a primeira diretora executiva Jeanine Pires, onde ficaram quatro anos. Na sequencia vieram José Ozanir Castilhos e Samira Pavesi; José Otavio Meira Lins com Samira Pavesi e Tatiana Menezes; Paulo Menezes com Tatiana Menezes e Maitê Uhlmann e atualmente o presidente é Bruno Herbert quando esteve ao seu lado Maitê Uhlmann e a partir de abril Gabriela Diaz.

a-debora-linhares-gabriela-diaz

Débora Linhares e Gabriela Diaz (Foto: Fernando Machado)

a-alexandre-nepomuceno-maitê-uhlmann

Alexandre Nepomunceno à côté Maitê Uhlmann(Foto: Fernando Machado)

Pela manhã, Bruno Herbert informou que de acordo com o Perfil Socioeconômico do Turista de Eventos.durante café da manhã, que o gasto médio diário do turista de eventos em 2015, na Região Metropolitana do Recife, foi de R$ 471,76, resultado superior aos R$ 459,84 que eram gastos no ano anterior. À noite, o presidente Bruno Herbert saudou Maitê Uhlmann, que visivelmente emocionante recebeu uma placa e confessou que jamais esquecerá o tempo que passou no Recife e prometeu que estará de volta ao Recife.

a-maria-do-rosario-paulo-menezes

Maria do Rosário e Paulo Menezes (Foto: Fernando Machado)

a-joão-barbosa-maria-carolina-oliveira

João Barbosa e Maria Carolina Oliveira (Foto: Fernando Machado)

Depois das falas os convidados puderam degustar um cardápio de a gente comer rezando para Nossa Senhora da Anunciação. O chef Alcindo colocou no cardápio arroz de bacalhau, salmão com requeijão e castanha de caju e gergelim, mix de pastel (charque, queijo coalho e manteiga), tartelete de frango defumado com geleia, risoles e moqueca de sururu. Tudo isso regado com água saborizada de melancia e jabuticaba.  Sem dúvida, uma noitada descontraída e das mais animadas.

Placa Evandro Rabello

Hoje, para quem ainda não sabe é o Dia do Frevo, e o descobridor dessa relíquia é um pesquisador esquecido, Evandro Rabello (1935/2015). O Carnaval deste ano deveria ser em sua homenagem a este pernambucano. A Bíblia já lembra que santo de casa não faz milagres. E nestes 109 anos, o prefeito Geraldo Julio de Mello Filho, vai entregar a Placa Evandro Rabello para 20 agremiações que passarem em frente ao Paço do Frevo, no Recife Antigo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Evandro Rabelo quando foi homenageado pelo Bloco da Saudade em 2012 (Foto: Fernando Machado)

Informação importante: Em 1990, Evandro depois de um intenso trabalho de pesquisa, constatou que a palavra frevo foi publicada pela primeira vez na imprensa pernambucana, numa notinha sobre um ensaio dos Empalhadores do Feitosa, no Jornal Pequeno, dia 9 de fevereiro de 1907. Constava no repertório do clube uma marcha com título: O frevo. A descoberta acabou marcando a data como o marco zero do Frevo.