Fernando Machado

Blog

Tag Pernambuco

Misses, Glamour e Saudades no Recife Palace

Há 32 anos acontecia no Recife Palace, cujo gerente geral era Fernando Chabert, uma tarde de chá em torno de algumas ex-Misses Pernambuco. A lua surgia na praia quando as últimas misses chegaram ao restaurante panorâmico, do hotel de Boa Viagem, cuja vista é deslumbrante. Foi um encontro de muito glamour onde o prato de resistência foram as emoções dos momentos lindos e saudosos do tempo em que foram Miss Pernambuco. Conseguimos juntar 13 divas da beleza pernambucana. Sem dúvida um fato marcante.

Cilene Aubry, Matilde Terto, Fernando Chabert, Zilene Sá Torres e Anna Elizabeth Brasileiro (Foto: Fernando Gusmão)

Marcílio Campos, Maria Eunice Mergulhão e Carmem Towar (Foto: Fernando Gusmão)

O encontro foi coordenado pela radialista Carmen Towar, pelos jornalistas Fernando Machado e Muciolo Ferreira. É bom lembrar que Carmen apresentou por muitos anos o Miss Pernambuco, assim como era a âncora do programa Misses na Passarela, na TV Rádio Clube. O fundo musical foi com o tecladista Dilermando Marroquim, que não esqueceu de incluir no setlist o hino internacional das misses, ou seja, Getting to Know You, trilha sonora do filme O Rei e Eu. Sem dúvida uma tarde que ficou marcada para as homenageadas e para os convidados especiais.

Maria Edilene Torreão, Raiolanda Castelo Branco e Vera Maria Silva (Foto: Fernando Silva)

Mônica Cardoso Lima, Simone Augusto da Silva e Maria Eunice Mergulhão (Foto: Fernando Gusmão)

Participaram do encontro as misses Maria Edilene Torreão que representando o Brasil no Miss Mundo de 1960, faturou o 6º lugar em Londres; Raiolanda Castelo Branco (1966), Vera Maria Silva (1967), Maria Eunice Mergulhão (1968), Maria Jerusa Farias (1969), Cilene Aubry (1974), Matilde de Souza Terto (1976), Zilene Sá Torres (1977), Anne Elizabeth Brasileiro (1979), Ana Lucia Caldas (1980), Rita de Cássia Spencer (1981), Mônica Cardoso Lima (1983) e Simone Augusto da Silva (1985).

Maria Edilene Torreão, Jerusa Farias, Vera Maria Silva e Raiolanda Castelo Branco (Foto: Fernando Silva)

Rita de Cássia Spencer, Simone Augusto da Silva, Maria Eunice Mergulhão, Mônica Cardoso Lima e Cilene Aubry (Foto: Fernando Silva)

Curtindo este momento histórico estavam também Isabele e Fernando Chabert, Márcia Bandeira de Mello, Verona Lopes, Maruska Tenório (guest relations do cinco estrelas), os jornalistas Alex, Silvio Niceas, Benita Gouveia e Fátima Bahia, os estilistas Marcílio Campos, Ricardo de Castro e Gilson Guedes (que vestiram muitas misses), o personal trainer Otávio Catanho, o coiffeur Moacir Freire, os fotógrafos Fernando Silva e Fernando Gusmão, além de Márcia Pinho e Cida Amaral.

Ana Lúcia Caldas, Maria Eunice Mergulhão, Zilene Sá Torres e Anne Elizabeth Brasileiro (Foto: Fernando Gusmão)

Connie Braz da Cunha: Miss Pernambuco de 1929

Há 89 anos, acontecia o primeiro concurso de Miss Pernambuco e foi promovido pelo Jornal do Commercio. Um detalhe interessante as representantes eram escolhidas por cupons que saiam inseridos no matutino. Participaram do concurso de Miss Pernambuco de 1929, 88 candidatas. As candidatas poderiam ter entre 16 e 25 anos de idade. Na primeira apurarão tivemos o seguinte resultado: 1º Beatrizinha Lacerda, em 2º Lúcia Rodrigues de Souza, em 3º Nininha Vareda de Siqueira, em 4º Connie Braz da Cunha e em 5º Fernandina Padilha.

Connie Braz da Cunha (Revista Prá Você)

A comissão que contou os votos foi formada por F. Pessoa de Queiroz (Presidente), Arsênio Lemos, Othon Lynch Bezerra de Mello, desembargadores Bellarmino Gondim, Silva Rego, Sá Pereira e Correia da Silva., fizeram a última apuração em dia 20 de março e as vencedoras foram: em primeiro lugar Connie Braz da Cunha (31.017 votos), em segundo Nininha Vareda (26.848), em terceiro Beatrizinha Lacerda (20.251), em quarto Lucia Rodrigues de Souza (3.827) e em quinto Fernandina Padilha (3.611).

A diretoria da APA no embarque até o Rio de Janeiro de Connie Braz da Cunha (Revista da Cidade)

A Miss Pernambuco de 1929, Constance Braz da Cunha (1911/1997), mas chamada carinhosamente de Connie, representou a Associação Pernambucana de Atletismo, tinha 1m56 de altura, olhos azuis, 17 anos, nasceu em 14 de julho de1911, era filha do executivo Armando Braz da Cunha da inglesa Gertie, e morava em Casa Forte. No dia 26 de março Connie viajou ao Rio de Janeiro, a bordo do vapor Arlanza, e ficou hospedada, por recomendação de Dr. F. Pessoa de Queiroz, no Copacabana Palace.

A 2ª colocada  Nininha Vareda e a 3ª colocada Beatrizinha Lacerda (Diário da Manhã)

Uma deusa de ébano é Miss Pernambuco de 1988

Ana Maria Guimarães by Nícia Barbalho foi penteada e maquiada por Almir da Paixão (Foto: Geraldo Guimarães)

Há 30 anos, a deusa de ébano Ana Maria Guimarães, do Clube Rodoviário de Pernambuco, se tornava a primeira e a única negra a ser eleita Miss Pernambuco. A noite que aconteceu o concurso Miss Pernambuco de 1988 aconteceu nos salões do Clube Internacional do Recife. O evento foi promovido pelo Jornal do Commercio. Em segundo lugar ficou Andréa Minelli (Internacional) e em terceiro Valérie Nielsen (Sport). A torcida rubro-negra fez a maior confusão e jogou até cerveja suja com cinzas de cigarros em Ana Maria por ser negra. No quarto lugar ficou Denir de Melo Santos (Miss Itamaracá).

Andréa Minelli, Ana Maria Guimarães, Valerie Nielsen e Denir Santos e a diva Helena Pessoa de Queiroz Gomes (Fotos: Tercio Solano)

Nessa época as participantes não pagavam taxas de inscrições. Foram coordenadores da competição os jornalistas Alex, Fernando Machado e Muciolo Ferreira, além da Miss Pernambuco de 1968 Maria Eunice Mergulhão. Participaram do concurso 34 candidatas que ficaram hospedas no Mar Hotel. Os apresentadores foram José Mário de Austregésilo e Maria Rossitter. A coreografia foi assinada por Romildo Alves.

O comandante do II Comar, brigadeiro Claudio Azambuja e sua Luiza (Foto: Aluizio Arruda)

No Top 10 ficaram Ana Cláudia Romão (Wanderley Cabeleireiros), Ana Maria Guimarães (Clube Rodoviário de Pernambuco), Ana Paula Menezes (Explanada), Andrea Minelli (Clube Internacional), Denir de Melo Santos (Ilha de Itamaracá), Ivana Kalin Galvão (Vitória de Santo Antão), Maria Eimar Rodrigues (Associação Atlética Bandepe), Rosemary Pinto (Voga), Tereza Cristina Coelho (The New Look) e Valérie La Verne Nielsen (Sport). Tivemos um show com Dimas Sedícias e sua Recife Banda Show, o Conjunto Pernambucano de Choro, os cantores Leonardo e Dalva Torres, Savinho e seu Conjunto.

Todas as candidatas de maiô no Mar Hotel (Foto: Roberto Paixão)

A comissão julgadora foi formada pelo prefeito Jarbas Vasconcelos, pelo desembargador Mauro Jordão Vasconcelos, pelos executivos Assis Farinha, Eduardo Lemos e Jaildo Dantas, pelas as consulesas Dulce Barbe e Iara Dubeux, pela jornalista Zenaide Barbosa, pelo pintor Bernardo Dimenstein, pelas senhoras Helena Pessoa de Queiroz Gomes, Luiza Azambuja, Madalena Seixas e Tuty Moury Fernandes, pela chefe do Cerimonial do Estado Inah Lins, pelo estilista Marcilio Campos e pelo dentista Geovane Tenório.

Bernardo Dimensten, Zenaide Barbosa, Edward Lyra Cavalcanti e Assis Farinha (Foto: Geraldo Guimarães)

As candidatas foram: Avani Duarte (Antena 1), Itamira de Andrade (Além do Túnel), Kátia Espírito Santo (Arcoverde), Maria Eimar Rodrigues (Bandepe), Nelma Arcoverde (Boa Vista), Magna Carneiro da Cunha (Cabanga), Maria do Socorro Almeida (Cabo de Santo Agostinho), Clóris Mendonça Filha (Caixa Econômica), Tereza Cristina Feitosa (Carpina), Wanbeci de Brito (Caruaru), Thereza Jacqueline de Oliveira (Condor Service), Gliss Gleiber Freire (Cri-Cris), Maria Edna Madureiro (Bibelô).

As candidatas de maiô no palco do Internacional (Foto: Geraldo Guimarães)

Também , Andrea Carla Campos (Eletra), Ana Paula Menezes (Esplanada), Ceane Gomes da Silva (Ibimirim), Andrea de Andrade Minelli (Clube Internacional), Denir de Melo Santos (Ilha de Itamaracá), Cinara Costa Guimarães (Itambé), Laura Sylvia de Lima (Jaegge), Claudia Duarte (Olinda), Maria da Conceição Lima (Paulista), Lucielma Araujo (Petrolina), Silvana Frade (Policia Militar), Fátima Pires Ferreira (Quinta Estação).

Jarbas Vasconcelos e Demazinho Gomes (Foto: Tercio Solano)

E finalmente Ana Maria Guimarães (Clube Rodoviário), Waldenia de Souza Melo (São José), Solange Monteiro de Melo (Sirinhaém), Valerie La Verne Nielson (Sport), Tereza Catarina Coelho (The New Look), Ivana Kalina Morais Galvão (Vitória de Santo Antão), Rosamary Pinto da Silva (Voga), Ana Carolina Leal (Votorantim) e Ana Cláudia Pessoa Romão (Wanderley Cabeleireiros).

Lais e o marido, adido cultural do Consulado dos EUA, Dennis Garcez e Henrique Vieira (Foto: Aluízio Arruda)

Martha Vasconcellos & Miss Pernambuco 2018

Na próxima sexta-feira, no Teatro do IMIP, às 20h, vamos ter a escolha da Miss Pernambuco de 2018. A Miss Universo 1968, Martha Vasconcellos será homenageada da noite, porque há 50 anos, ela foi coroada Miss Bahia no Ginásio Balbininho em 15 de junho de 1968, Miss Brasil no Maracanãzinho em 29 de junho de 1968 e Miss Universo 13 de julho de 1968, em Miami, na Flórida. Martha Vasconcellos foi à última miss brasileira a vencer esse concurso de beleza mundial.

Roberto Macedo e Martha Vasconcellos em Aracaju (Foto: Face)

Em outros tempos Martha Vasconcelos seria a presidente do júri, mas o moderno aboliu esta distinção. O biografo de MU-68, Roberto Macedo também virá para o concurso de Miss Pernambuco que é produzido por Miguel Braga, responsável por suas realizações há 28 anos. O cenário será grifado por Fred Castro que é um excelente profissional e a coreografia será de Romildo Alves. Vão participar do concurso 23 candidatas.

  • 1 2 8