Fernando Machado

Blog

Tag peça

De volta para o passado

Há 470 anos, Tomé de Souza, I Governador Geral do Brasil, fundava a cidade de Salvador.

Há 150 anos, nascia na Índia, o líder pacifista Mohandas Gandhi, que morreu no dia 30 de janeiro de 1948.

Há 95 anos, acontecia vernissage do artista plástico Mario Tullio no Teatro de Santa Isabel.

Há 95 anos, acontecia vernissage do artista plástico Carlos Melichar, no Gabinete Português de Leitura.

Há 90 anos, nascia em Pernambuco, a senhora Cândida Cairutas, que morreu no dia 5 de abril de 2015.

Há 95 anos, nascia no Rio de Janeiro, o arquiteto Acácio Gil Borsoi, que morreu no dia 4 de novembro de 2009.

Os atores Barreto Junior e Lenita Lopes (Fotos: Diário da Manhã)

Há 85 anos, a Cia de Barreto Junior encenava a peça O Homem da América, no Teatro de Santa Isabel. No elenco Lenita Lopes, Luiza de Oliveira, Luiz Carneiro, Murillo Araujo e Ary Guimarães.

Há 55 anos, morria em Pernambuco, o radialista Mário Libanio, que nasceu no dia 8 de setembro de 1893.

Flashes

Hoje, às 18h, na Alepe, será realizada sessão solene, em torno dos 20 anos da Faculdade Osman Lins, de Vitória de Santo Antão.

Quinta-feira, 11, às 19h, no Taca Mais Música, do Shopping Tacaruna, remete ao rock’n’ roll, com Mr. Elvis,  fazendo um Tributo a Elvis Prestley.

A Cônsul-Geral da China, Yan Yuqing, comemora os 70 anos da Fundação China, no próximo dia 24, no Sheraton Reserva do Paiva.

Hoje, no Museu Murillo La Greca, temos o vernissage do artista plástico Heitor Dutra. A mostra fica em cartaz até o próximo dia 28.

Paulo Maranhão já atuou na peça Ceia dos Cardeais, na primeira fase que era encenada nas residências dos colunáveis do Recife.

O escritor Valdir Oliveira assumirá no próximo dia 20, às 16h, na APL, a cadeira 37, da Academia Recifense de Letras.

A pianista Elyanna Caldas foi eleita ontem, para a cadeira nº 14, da Academia Pernambucana de Letras, que pertenceu a Rostand Paraiso.

Anotações do Cotidiano

Hoje, às 15h, no Empório Villa Granno, no Derby, vai celebrar o mês do folclore com apresentação de danças, mini palestras e contação de histórias como as lendas urbanas que assombraram o Recife nos anos 1970.  A festa vai homenagear a cantora Cylene Araújo e o radialista Jota Ferreira. Uma das atrações será o moçambicano Tsumbe Mussundza.

A cantora Cylene Araujo (Foto: Divulgação)

Amanhã, às 19h, no Teatro de Santa Isabel será encenada a peça O Sol de Assis, com direção de Fátima Aguiar. O espetáculo, que fala sobre a vida de Francisco de Assis, tem a participação do grupo musical Sementes do Amanhã e do projeto A Caminho do Futuro. O ingresso custa R$ 30. A peça é uma realização do Grupo de Teatro Anália Franco.

Anotações do Cotidiano

Excelente o documentário Marco Maciel – A política do diálogo, dirigido por Dulce Queiroz, edição e finalização de Felipe da Cunha e Guem Takenoushi, arte de Tiago Miollo, produção de João Gollo e Lia Tavares. A direção de fotografia é de Katia Coelho, as imagens de Cicero Bezerra, Ulov Flaminio, Flavio Estevam e Claudio Adriano. A trilha sonora original é de Alberto Valerio e na coordenação do Núcleo de Documentários está Guga Caldas.

A jornalista Dany Brito está produzindo no próximo dia 26, às 19h, no Teatro Valdemar de Oliveira a peça Demétrio, onde ele conta a história (baseada em fatos reais) de um homem que após ter seu noivado desfeito, não se conforma com a rejeição de sua noiva e passa a perseguir as mulheres que pareçam fisicamente com sua antiga noiva. Ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (Meia ou sob reserva antecipada). Reservas via whatsapp: (81)98827.3109