Fernando Machado

Blog

Tag gols

América 1×1 CSA  

A arquibancada do América no dia de sua inauguração (Foto: Diário de Manhã)

Há 90 anos, o America inaugurava a arquibancada do seu campo localizada na Jaqueira, com uma partida contra o CSA de Alagoas. O jogo terminou empatado de 1×1. Os gols foram Vieira pelo América e Adolpho pelo CSA.

O time do América (Foto: Diário da Manhã)

America jogou com Ilo; Jorge e Gandra; Casado, Gama e Miguel; Eric, Meira, Tasso, Vieira e Lapenda. O CSA com Mendes; Geraldo e Arthur; Braulio, Mimi e Campello; Octavio, Fininho, Adolpho, Ricardo e Rodrigues.

O time alagoano do CSA (Foto: Diário da Manhã)05

De volta para o passado

A primeira sede da Capitania dos Portos era localizada no Cais da Lingueta (Foto: Divulgação)

Há 171 anos, era inaugurada a Capitania dos Portos de Pernambuco. O primeiro comandante foi capitão de fragata Eliziario Antônio dos Santos.

Há 105 anos, chegava ao Recife, o tenor lusitano Julio Câmara. Na sua agenda um concerto no Teatro de Santa Isabel.

Há 90 anos, nascia na Paraíba, o violonista Canhoto da Paraiba, que morreu no dia 24 de abril de 2008.

Mestre Manoel Olímpio de Meira (Jacaré), Mestre Jerônimo André de Souza, Raimundo Correia Lima (Tatá), e Manoel Pereira da Silva (Mané Preto)

Há 75 anos, morria na Barra da Tijuca, o jangadeiro Manuel Jacaré, que estava filmando o documentário inacabado É Tudo Verdade de Orson Welles. Numa cena caiu no mar e não conseguiu escapar. Salvaram o mestre Jerônimo e os jangadeiros Tatá e Mané Preto. Jacaré participou do raid de jangada Fortaleza/Rio.

Há 70 anos, nascia em Pernambuco, o empresário Gilmar Tenorio Rocha, que morreu no dia 17 de julho de 2007.

Há 61 anos, Nelbe Souza, Miss Clube Náutico Capibaribe, era eleita nos salões do clube alvirrubro, Miss Pernambuco de 1956.

Há 60 anos, o Clube Ciclista do Recife, promovia uma corrida de bicicleta Arthur Lundgren. O vencedor foi Benedito da Costa Rego.

Há 60 anos, em comemoração aos 100 anos de Caruaru, o Santa Cruz 2 x 1 Caruaru. Os gols foram de Jorge da Costa e Claudionor (SC) e Pernambuco (Caruaru). O Santa jogou com Mauro, Palito e Job; Claudionor, Aldemar e Gonzaga; Jorge de Castro, Rubinho, Marinho, Lanzoninho (Mituca)  e Zeca. O Caruaru com Pereirinha; Adolfo I e Berto; Toinho (Adolfo II), Luiz e Celedino; Pelado, Zezinho, Pernambuco, Cebinha e Tita (Santos).

Há 60 anos, Dom João José da Mota Albuquerque, irmão do escritor Mauro Mota, era empossado como primeiro bispo de Afogados da Ingazeira.

Santa Cruz campeão de 1972

Há 45 anos, o Santa Cruz era campeão do Sesquicentenario do Brasil e Tricampeão Pernambucano de Futebol de 1972, ao vencer o Central por 4×0, no Campo dos Aflitos. O público foi de 9.840 torcedores e gols foram marcados Betinho (2) e Bita (2). Pela terceira o Recifre se vestia de vermelho, preto e branco.

O Santa Cruz jogou com Detinho; Ferreira, Sapatão, Rivaldo e Cabral; Erb e Luciano; Betinho, Bita, Fernan­do Santana (Zé Carlos) e Givanildo. O técnico era Evaristo de Macedo. O Central jogou com Félix;  Patota, Borges, Juscelino e Bell; João Paulo e Paulo Roberto; Joãozinho, Zito, Moacir e Tchau.

América campeão de 1922

Há 95 anos, no campo do Sport, o America era tricampeão pernambucano de futebol, ao derrotar o Santa Cruz por 5×1. Os gols foram de Zizi, Zetasso, Fabinho, Juju (2) pelo América e pelo Santa Cruz  Zé de Castro.

À noite aconteceu banquete no Restaurante Leite. A sede do America era na Rua da Conceição. O America jogou com Nozinho, Romulo e Ayres; Zizi, Licor e Lindolfo; Matuto, Juju Zetasso, Lapa e Fabinho.