Fernando Machado

Blog

Tag diretora

Na Sala da Justiça

O Pleno do Tribunal de Justiça de Pernambuco, composto pelos 52 desembargadores da Corte Estadual, se reúne hoje, às 17h, para a eleição na nova Mesa Diretora da instituição. A votação ocorre na Escola Judicial, localizada ao lado do Fórum do Recife. Os quatro eleitos para os cargos de presidente, vices e corregedor assumirão a condução do Judiciário no biênio 2020/2022.

O desembargador Fernando Cerqueira e sua esposa Zulene Norberto (Foto: Fernando Machado)

A nova Mesa Diretora deverá ficar assim constituída: presidente desembargador Fernando Cerqueira, o 1º vice-presidente desembargador Eduardo Paurá, o 2º vice-presidente desembargador Candido Saraiva e o Corregedor-Geral desembargador Luiz Carlos de Barros Figueiredo. Os magistrados deverão assumir os cargos em fevereiro de 2020.

Esquinas do Mundo

Chay Suede marcou presença no lançamento do 5º quiosque da Huawei no Brasil, que aconteceu terça-feira, no ParkShopping, em Brasília. Além de receber os fãs, o ator aproveitou a ocasião para conhecer o lançamento do Huawei Watch GT Active, primeiro vestível que a empresa lança no País, além dos fones de ouvido wireless FreeLace. A Huawei, segunda maior fabricante de smartphones do mundo, está no país desde maio.

Chay Suede abalou com seu selfie (Foto: Divulgação)

A diretora de Desenvolvimento Social do Grupo JCPM, Lucia Pontes, acompanha, este final de semana, uma atividade diferenciada com jovens do Instituto JCPM. Será realizada uma Maratona de Ideias para o desenvolvimento de soluções que afetam a sociedade em áreas como educação, saúde, mobilidade, moradia, entre outras. Os participantes serão estimulados a usar tecnologia e a criatividade para apresentarem as propostas.

Fatos Diversos

Hoje, às 19h, na Sociedade Semear, acontecerá à cerimônia de posse da diretoria da Academia de Letras de Aracaju para o novo biênio. Tomarão posse como presidente o acadêmico Francisco Diemerson; como vice-presidente, o acadêmico Antônio Porfírio; como secretária-geral, Ana Maria Leal; e como tesoureira-geral, Jane Guimarães.

Hoje, às 9h30, no Patteo Olinda, a convite de Paula Sultanum, diretora do projeto Trabalhando o Espectro Autista, a fonoaudióloga Isabela Barbosa do Rego Barros, profere palestra sobre A importância do interlocutor para o desenvolvimento do autismo. O evento, que é gratuito, faz parte das atividades alusivas ao Mês Mundial de Conscientização do Autismo.

Sala Lybia Queiroz Maranhão

Margot Monteiro e Sydia Maranhão (Foto: Eunice Couto)

Margot Monteiro, Gilberto Freyre Neto e Marta Freire (Foto: Eunice Couto)

O Museu do Estado, cuja diretora é a artista plástica Margot Monteiro, inaugurou mais um ambiente na Casa. Estamos nos referindo à Sala Lybia Queiroz Maranhão. Nela está uma sala de estar composto de 13 peças, do século 19. Um conjunto com marquesão e quatro cadeiras com braços, uma escrivaninha com cadeira, dois tapetes sendo um francês de parede e três lustres (dois de cristais e um em bronze).

Maria Digna Pessoa de Queiroz, Sydia Maranhão, Thereza Lapa Carneiro de Albuquerque e Vera Correa de Araujo (Foto: Eunice Couto)

Para enriquecer mais o local, o arquiteto Carlos Augusto Lira fez a montagem, completou com uma sala de jantar do acervo do museu, assim como cinco quadros do pintor pernambucano Teles Junior (1851/1914). O Museu do Estado de Pernambuco foi criado em 8 de fevereiro de 1929, pelo Governador Estácio de Albuquerque Coimbra. Seu primeiro diretor foi o jornalista Aníbal Fernandes.

Betânia Peixoto e Hilda Queiroz (Foto: Eunice Couto)

Na cerimônia de inauguração do espaço tivemos duas falas: a da diretoria Margot Monteiro e a do Secretário de Cultura, Gilberto Freyre Neto. Ambos enalteceram o valor da doação feita pela família de dona Libinha Maranhão (1917/2015), via Sydia Maranhão. Depois foi servido um coquetel cortesia do Clã Maranhão. Muita gente da família da homenageada, e amigas principalmente aquelas frequentavam os almoços que Libinha oferecia na sua casa às quartas-feiras, fizeram questão de participar do encontro.

Maria do Carmo Calado, Gilberto Freyre Neto e Rinaldo Carvalho (Foto: Eunice Couto)

Informação cultural: O palacete é do século XIX, pertenceu a Augusto Frederico de Oliveira, filho do Barão de Beberibe, tornou-se sede própria do Museu do Estado de Pernambuco a partir de 1940. No começo do século XX, o prédio foi modificado com o acréscimo do segundo pavimento e, em dezembro de 1951, foi incorporado ao patrimônio do Museu um novo pavilhão, denominado de Anexo I, ampliando o espaço cultural para novas atividades.

Geralda Farias (Foto: Eunice Couto)

Os historiadores Reinaldo Carneiro Leão e José Luiz da Mota Menezes (Foto: Rinaldo Carvalho)