Fernando Machado

Blog

Tag cineasta

De volta para o passado

Há 85 anos, acontecia no Teatro de Santa Isabel, concerto da cantora Vera Janacopulos.

Há 80 anos, nascia em Pernambuco, o jogador Gildo Cunha do Nascimento, que morreu no dia 2 de agosto de 2019.

Há 75 anos, morria em Pernambuco, o empresário Francisco Vita, que nasceu no dia 17 de abril de 1868.

Há 70 anos, Pedro Gonçalves vencia a prova de ciclismo Recife a Vitória de Santo Antão. No 2º lugar ficou João Melo (Paraíba).

Há 65 anos, morria na França, o estilista Jacques Fath, que nasceu no dia 12 de setembro de 1912.

Há 45 anos, morria na França, o cineasta Vittorio De Sica, que nasceu no dia 7 de julho de 1902.

A vida de Elpídio Lima

O cineasta Alexandre Figueirôa homenageia um dos primeiros transformistas do Recife, o ator, cenógrafo e figurinista Elpídio Lima, o Piu Piu. Nos anos 1950 e 1960, atuava na Companhia Barreto Junior, nos palcos dos teatros Almare e Marrocos, imitando Sarita Montiel e Carmem Miranda.

Elpidio Lima, a transformista Piu Piu e Julio Cesar como Piu Piu (Fotos: Divulgação)

O filme que estreia na Mostra Diversidade do Festival de Cinema do Paranoá, em Brasília, tem como principal intenção homenagear esse artista, cujos vestígios de sua carreira. Quem o interpreta Piu Piu é o ator Julio Cesar. A direção é de Alexandre Figueiredo Túlio Vasconcelos e a produção é Túlio VasconcelosSérgio Dantas e Jonatan Oliveira são responsáveis pela fotografia.

O ator Julio Cesar na ponte Duarte Coelho (Foto: Divulgação)

Elpidio Lima nasceu em Alagoas em 1921, a data de seu falecimento é desconhecida. Foi também um dos criadores da Companhia Tra-la-lá, de teatro rebolado. No Recife, esta produção entra em cartaz no VII Recifest, marcada para o dia 21 de novembro, no Cinema São Luiz.

De volta para o passado

Há 120 anos, nascia em Pernambuco, o líder político João Cleophas de Oliveira, que morreu no dia 17 de setembro de 1987.

Há 105 anos, nascia nos Estados Unidos, o cineasta Robert Wise, que morreu no dia 17 de setembro de 1987.

Há 95 anos, estreava no Cine Teatro Helvética, a troupe William Brothers.

Leda Baltar e José Penante (Fotos: Diário da Manhã)

Há 85 anos, no Teatro de Santa Isabel era encenada a revista Colcha de Retalhos, com arranjo do jornalista José Penante e com renda para a família dos jornalistas do grupo Irmãos Suassuna. No elenco Leda Baltar, Nelson Vaz, Noel Nutels, Suassuna, Alba Lewin, Jazz Ban Academica, Joice Hamilton, Elsa Cox, Hilda Pinheiro que cantou a valsa de Capiba, Canta, Meu amor.

Um sucesso a abertura do 23º Cine PE

A cineasta Deby Brennand e Frei Jociel Gomes (Foto: Fernando Machado)

Freis Josias, João, Dimas e Renilson (Foto: Fernando Machado)

Aconteceu segunda-feira, à noite, no Cinema São Luiz, a abertura do XXIII Cine PE, que tem à frente Sandra Bertini. Primeiro tivemos uma homenagem à Graça Araujo, que durante 22 anos, foi a ancora do evento. Um holograma que trazia o rosto da deusa de ébano e a sua voz, via o amigo Jonnathan Monteiro, emocionou o grande público. A voz estava idêntica. Na sequencia sua irmã Conceição Soares ao lado do sobrinho João Soares recebeu o Kalunga de ouro de Sandra Bertini.

Os três Freis Damião Jefferson Victor, Nicolas Baldini e Carlos Eduardo Ferraz (Foto: Fernando Machado)

Márcia Souto Carvalho e Carmen Meira (Foto: Fernando Machado)

Na sequencia foi convidada a atriz Ninive Caldas by Jan Souza, para continuar o espetáculo. Houve o momento falas e agradecimentos, como as das cineastas Katia Mesel e Deby Brennand e do Frei Jociel Gomes. Quando os dois vitrais de autoria da artista plástica Aurora Lima acenderam foram exibidos os filmes Hors Concours: o curta Parto Sim, de Kátia Mesel, e o longa-metragem Frei Damião – O Santo do Nordeste, de Deby Brennand by Animale.

A elegante senhora Erika Amorim (Foto: Fernando Machado)

Felipe Charamba e Karlla Lima (Foto: Fernando Machado)

Frei Damião – O Santo do Nordeste, documentário que desvenda, por meio de entrevistas com alguns descendentes de italianos, amigos, párocos e frades franciscanos que conviveram com Frei Damião, o homem por trás do mito religioso. Os atores que viveram na tela Frei Damião estavam lá Nicola Baldini, Jefferson Victor e Carlos Eduardo Ferraz. Frei Damião idoso foi interpretado pelo ator Andrade Lima já falecido.

Os pais de Nicolas, Massimiano Baldini e Cinthia Melo com a irmã Júlia Baldini,  e Giorgio Guerra (Foto: Fernando Machado)

Freis Mauricio, José, Renato e Alexandre (Foto: Fernando Machado)