Fernando Machado

Blog

Tag assembléia

Notícias da Bahia

LeilaneFelipe, Guilherme e Beatriz Loureiro, Martha Vasconcellos e Marcelo Nilo (Foto: Divulgação)

Com o plenário da Assembleia Legislativa repleto de amigos e admiradores e no exato dia em que foi eleita Miss Bahia há 50 anos, a baiana Martha Vasconcellos foi agraciada, sexta-feira, com a Comenda Dois de Julho, a mais alta condecoração da Casa. O deputado Marcelo Nilo, autor da proposição, saudou a homenageada que adentrou ao plenário ao som da marchinha Martinha da Bahia, sucesso da época em que foi eleita a mais bela do universo. Nilo destacou a trajetória da soteropolitana, citando não somente os títulos de beleza, mas também o trabalho como psicóloga em Boston, defendendo mulheres vítimas de violência doméstica, e os três prêmios que recebeu na área dos direitos humanos nos EUA.

Martha entre os filhos Leonardo e Leilane (Foto: Divulgação)

Após um vídeo sobre sua vida e ao som da música Martinha dos Quindins de Ioiô e Iaiá, Martha recebeu a comenda entregue pelos três netos, Felipe, Guilherme e Beatriz, e flores das Misses Bahia Marisabel Boere (85), Morgana Brasil (86) e Cynara Fernandes (87), além da Miss Brasil 91 Patrícia Godoi. No seu agradecimento, a Miss Universo 1968 destacou a felicidade de ter divulgado a Bahia nos cinco continentes e a sua personalidade, aliada à base familiar, o que permitiu que pudesse defender com tanto empenho as mulheres abusadas. No final foi aplaudida de pé

Martha recebendo flores de Morgana Brasil, Patricia Godoi, Marisabel Boere e Cynara Fernandes (Foto: Divulgação)

Martha foi a última baiana a vencer o concurso nacional e a última brasileira a ser eleita Miss Universo. O Jubileu de Ouro das conquistas tem rendido homenagens em diversos estados do país, como Paraná, Rio Grande do Norte, Sergipe, Pernambuco, São Paulo e no Rio de Janeiro, durante o com curso de Miss Brasil de 2018, no mês passado. (Jornalista Roberto Macedo)

O missologo Roberto Macedo e sua musa Martha Vasconcelos (Foto: Face)

Corpo Consular

A Alemanha e o Japão foram homenageados, terça-feira, em uma Reunião Solene na Assembleia Legislativa, por meio da primeira concessão do Prêmio Internacional País Amigo de Pernambuco, simbolizado por uma medalha e um diploma. Os cônsules gerais Jiro Maruhsshi, do Japão e Maria Könning de Siqueira Regueira, da Alemanha receberam os prêmios pelos seus países.

Os cônsules gerais Alejandro Funes Lastra, Maria könning de Siqueira Regueira, deputados Joaquim Lira, o cônsul geral Jiro Maruhsshi e secretario Giovani Oliveira (Foto: Kerol Correia)

Neste mesmo dia o novo Cônsul Geral da Argentina no Nordeste, Alejandro Funes Lastra, fez uma visita de cortesia ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Guilherme Uchoa. O diplomata argentino assumiu o consulado nesta semana, substituindo o cônsul Jaime Beserman. Funes Lastra ressaltou a importância da instituição na região.

Fatos Diversos

Amanhã, às 18h, na Assembléia Legislativa de Pernambuco, acontece reunião solene em homenagem aos 370 anos do Exército Brasileiro, que faz aniversário quinta-feira, mesma data da 1ª Batalha dos Guararapes. A proposta é do deputado estadual Zé Maurício.

Carlos Harten e Bruno Cavalcanti leiam-se Queiroz Cavalcanti Advocacia, comemoram reconhecimento do escritório no anuário francês Leaders League, que destacou como referência as áreas consumidor, trabalhista e trabalhista larga escala.

Anotações do Cotidiano

Hoje, às 20h, Dia do Engenheiro, às 20h, acontece, no Auditório da Fiepe, a solenidade de instalação da Academia Pernambucana de Engenharia, cujo presidente é Mário Antonino. Trata-se de uma agremiação com 40 sócios titulares, com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento do estado, pesquisando opinando, buscando soluções para questões que envolvam a área, sempre no propósito de valorizar a engenharia.

A Assembleia Legislativa de Pernambuco, leia-se o presidente deputado Guilherme Uchoa, movimenta hoje, às 18h, a entrega da Medalha comemorativa ao Bicentenário da Revolução Pernambucana de 1817. Serão 24 agraciados. Entre eles governador Paulo Câmara, desembargador Leopoldo Raposo, dom Fernando Saburido, Geralda Farias, Leonardo Dantas Silva e Janguiê Diniz.