Fernando Machado

Blog

Categoria Pausa Poética

Pausa Poética

“Fiz o meu rancho lá nas nuvens / onde se pode conversar, onde os anjinhos são cor de chope… / Tomo cuidado só em debruçar / vendo o mar, aí…” Guinga e Aldir Blanc

Pausa poética

“As mãos da moça nos cajus / ordenha-os sem feri-los, / ordenha-os tão de leve / como se para o Deus Menino retirasse / leite das ovelhinhas do Presepe.” Mauro Mota

Pausa Poética

“Ser homem é ser responsável. É sentir que colabora na construção do mundo.” Antoine de Saint-Exupéry

Pausa Poética

“Tanto vale a Santa Missa quanto vale a morte de Jesus na Cruz.” Santo Tomás de Aquino