Fernando Machado

Blog

Tag tristeza

Flashes

Tancredo Albuquerque nos escreve: “O seu blog como sempre; deu um show com a cobertura do Bal Masqué, a rapidez da notícia é impressionante!!”

Bt the way: Elisa de Castro e Joseli Lacerda não pouparam elogios pela postagem do Bal Masqué,do Internacional..

Amanhã, às 19h, na Academia Pernambucana de Letras, temos o lançamento do livro Manhã de Carnaval, do acadêmico Waldenio Porto.

Hoje, às 19h, temos o lançamento da Collection e apresentação do novo Showroom, da Florense.

Lorena Pacífico inaugura, hoje, às 19h, junto aos sócios da EP2, o The Garden Open Mall, em Jaboatão dos Guararapes.

Estevam Campos e Fernando Bayama vai abrir um bar na Rua Venezuela, chamado Winner. O projeto foi de Josemar Costa Junior.

É com tristeza que comunicamos o falecimento em Caruaru, da matriarca Dalva Porto. Era genitora da executiva Auxiliadora Porto.

Flashes

Adorei agenda da Tufi Duek que veio acompanhada de uma caneta Crown. Aind anão comecei as anotações.

É com tristeza que fiquei sabendo do falecimento ontem do amigo de longos anos, o jornalista Fernando Cascudo.

Anotados domingo almoçando no Ponteio, Ricardo de Castro, Priscila e Ricardo Mazolli.

Faleceu quinta-feira, em desastre de automóvel, a senhora Márcia Bandeira. Era ela filha do general Antonio Bandeira.

Anuska Azevedo homenageou o pai, Antístenes (1943/2012), com uma tatuagem no ombro esquerdo logo acima do coração.

A senhora Lybia Atier Simon passou o seu aniversário na Espanha. Olé!

Ontem Dia Nacional do Sorvete, o Armazém Guimarães, leia-se o chef Bruno Gama, preparou uma sobremesa especial a Gelatto Di Cartola.

Anotações do Cotidiano

Uma nuvem de tristeza encobriu esta coluna ao saber do falecimento da deusa de ébano das passarelas pernambucanas. Estamos nos referindo a Irismar que que morreu de câncer, em fevereiro deste ano, na sua terra natal: Crato, no Ceará. Irismar reinou desfilando para Marcilio Campos, Paulo Carvalho e Ricardo de Castro.

irismar-76

A modelo Irismar (Foto: Arquivo)

E no próximo dia 11, às 18h, na Assembleia Legislativa de Pernambuco, teremos  reunião solene de entrega do titulo de Cidadão de Pernambuco ao médico e compositor Janduhy Finizola da Cunha. O autor da proposta é o deputado Severino Ramos.

Réquiem para Salomé Parisio

É com muita tristeza que informamos o falecimento da cantora pernambucana, radicada em São Paulo, Salomé Parisio. Começou a carreira no Recife, em 1939, na Rádio Clube de Pernambuco. Em 1940, Salomé Parisio fez show num teatro, mas atrás das cortinas, por ser negra, o que causou polêmica.

salomé-parisio2

A cantora Salomé Parisio (Foto: Divulgação)

Do Recife, Salomé mudou-se para Salvador, na Bahia, onde cantou em cassinos e rádios. Em 1947 Solomé Parisio foi morar no Rio de Janeiro onde se tornou vedete estreando no musical Um Milhão de Mulheres.

salomé-parisio3

Salomé Parisio nos anos 70 (Foto: Divulgação)

Em 1950, Salomé Parisio foi morar em a São Paulo, antes passou temporada em Portugal, até seu falecimento ocorrido, quarta-feira, 15 dias depois de completar 92 anos de idade. Trabalhou até o ano passado na Ordem dos Músicos do Brasil como professora de canto. Deixa cinco netos e três bisnetos.