Fernando Machado

Blog

Tag patrimonio

O Frevo já é Imortal

Depois de 12 anos tentando aniquilar o Frevo, com a criação do famigerado Carnaval Multicultural, leia-se os prefeitos João Paulo (aquele que depredor o Recife) e agora João da Costa, o Frevo, continua imortal. Está disputado, de amanhã até sexta-eira, o titulo de Patrimônio Cultural da Humanidade ao lado de outras 36 propostas. O Frevo é o único representante brasileiro.


O esquecido Mathias da Rocha. Vamos torcer para que o futuro prefeito Geraldo Júlio lembre-se no Carnaval de 2014 (Foto: Arquivo)

As candidaturas serão avaliadas para inclusão nas listas de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade. As propostas de diversos países serão examinadas durante a VII sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, que ocorrerá na sede da Unesco, em Paris. O Frevo continua sendo maior que os donos do Carnaval do Recife.


Nossos passistas são lembrados apenas nos congressos (Foto: Carlos Oliveira)

Só pensam no nosso ritmo quando acontecem congressos levando sombrinhas para distribuir com os participantes. E lembrar que Vassourinhas, de Mathias da Rocha, já foi o terceiro ritmo mais tocado do Brasil, perdendo apenas para Cidade Maravilhosa de André Filho e Aquarela do Brasil de Ary Barroso. E pasmem o compositor Mathias da Rocha nunca foi homenageado no Carnaval do Recife.

Notícias da Caserna

Não será surpresa para a coluna se no próximo dia 16, o Comandante do Exército, general-gentleman Enzo Martins Peri, faça uma parada no Recife para depois seguir até João Pessoa. Naquela dada assume o comando do 1º Grupamento de Engenharia, o general Carlos Alberto Teixeira.

O Diretor do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército, general Eduardo José Barbosa, apresenta hoje, às 14h30, no Quartel-General do CMNE o Programa Mecenas. Criado em 17 de novembro de 2009. O projeto é uma das mais recentes e importantes iniciativas para a valorização do patrimônio histórico e cultural militar.

Notícias de Sergipe

Artistas com viagens agendadas para abril têm até o dia 29 de fevereiro para se inscrever no programa de Intercâmbio e Difusão Cultural, realizado pela Secretaria de Cultura do Estado. No intuito de promover a propagação da cultura sergipana, o projeto apoia financeiramente os custeios com transporte de artistas, técnicos e estudiosos em eventos culturais nacionais e internacionais. Saiba mais no www.divirta.se.gov.br.

Criado para ser um programa estratégico que procura conjugar recuperação e preservação do patrimônio histórico com desenvolvimento econômico e social, o Monumenta – Programa do Ministério da Cultura – atua em diversas cidades históricas do país, protegidas pelo Iphan. Em Sergipe, ele não para de gerar bons frutos para as cidades de Laranjeiras e São Cristóvão. Quem nos informa é a secretaria Eloisa Galdino.

Noticias de Sergipe

Intitula-se patrimônio cultural todas as expressões e tradições de um povo, sejam elas materiais ou imateriais, que, pelo seu valor próprio, devem ser considerados de interesse relevante para a permanência, preservando sua ancestralidade para as gerações futuras. São exemplos de patrimônio: bens imóveis, tais como castelos, igrejas, casas, praças, conjuntos urbanos. Já os bens imateriais são representados pelos saberes, modos de fazer, formas de expressão, celebrações, músicas, etc.

Neste contexto, a cultura sergipana acaba de oficializar um dos mais valiosos e históricos bens do Estado como novo patrimônio cultural: os “tototós” – embarcações de madeiras, movidas a motor, cujo som característico motivou o nome pelo qual são conhecidas. Em 20 de dezembro, o governador Marcelo Déda assinou o decreto que institui esse meio de transporte como patrimônio cultural e imemorial de Sergipe.