Fernando Machado

Blog

Tag central

Fatos Diversos

A Central do Outdoor prorrogou o prazo para as inscrições do XXI Prêmio Central de Outdoor 2014 até o dia 10 de outubro. O vencedor será premiado com uma viagem até Nova York. A entidade é composta pela Bandeirantes Mídia Exterior e Stampa, que farão a versão local para o prêmio. Informações: www.outdoor.org.br/premio2014.

O concurso Miss Brasil Latina 2015 será realizado, novamente, em Pernambuco, ou seja no Teatro Beberibe no Centro de Convenções de Pernambuco, no próximo dia 28. As candidatas chegam a Recife no próximo dia 25 e retornam a seus Estados de origem no dia 29, após intensa programação no Recife.

De amanhã até 12 de outubro acontece em São Paulo o I Encontro Internacional de Mulheres Palhaças, evento sobre comicidade feminina.  Organizado pelo Teatro da Mafalda, o evento é o 7º no mundo sobre o tema. Em sua programação temos diversidade de tipos cômicos, além de mesas de debate, oficinas, vivências artísticas, aula-espetáculo e demonstrações técnicas.

Flashes

Casam-se hoje, na Ordem Terceira de São Francisco, Fábio Trindade e Eduarda Brasil. A recepção será na Usina Dois Irmãos.

Anotados tomando chá na Confeitaria Colombo, no Rio de Janeiro, Hamilton Mota Mendes, Muciolo Ferreira e Wilton Condé.

O artista plástico Paulo Bruscky estará seguindo no dia 26 de outubro até Nova Iorque para uma ação no Central Park.

A arquiteta Cremilda Martins anotada ontem ceando no Café São Braz de Boa Viagem.

Amanhã, às 22h, no Arsenal 227, no Recife Antigo, temos a festa Arriba La Cumbia, com o DJ argentino, Leon Selector e da Banda Guazzapa.

Paulo Bruscky estará seguindo no dia 26 de outubro até Nova Iorque para uma ação no Central Park.

I Love New York

Quando pensei que conhecia o Central Park, que ocupa uma área de 4,3 kms², trocando em miúdos 341 hectares, ficando no coração de New York, cujo projeto é dos arquitetos Frederick Law Olmsted e Calvert Vaux. Embora o parque pareça natural, ele é, na verdade, ajardinado quase inteiramente e contém diversos lagos artificiais, duas pistas de patinação no gelo, sem dúvida um santuário vivo e campos diversos.

c-dakota

 Da torre de Belvedere vemos o skyline do Dakota Building onde morou John Lennon (Foto: Fernando Machado)

Foi inaugurado em 1857, e é considerado, por muitos nova-iorquinos, um oásis dentro da grande floresta de arranha-céus existente na região. É lá que as pessoas se jogam nos jardins para descansar, sentam nos bancos para lerem jornais, conversar com os amigos, jogar, andar de bicicleta, correrem ou brincar com as crianças. E, claro, onde a turma alegre fazem pegações.

c-jackie-reservatorio

O Reservatorio Jacqueline Kennedy (Foto: Fernando Machado)

Domingo conheci o Reservatório Jacqueline Kennedy (cuja vista da cidade é belíssima), um pequeno lago com as tartarugas (elas somente aparecem depois das 19 horas para alegria dos baixinhos), nos seus arredores existe uma área onde pessoas do leste europeu se reúnem para dançarem músicas de sua origem.

c-torre

Outra imagem da Torre Belvedere (Foto: Fernando Machado)

Um recanto lindo é o Belvedere Tower, construído por Daniel Draper, em 1869, cuja vista do parque é deslumbrante. E acho que tem mais coisa para descobrir naquele labirinto perdido na Big Apple. No próximo ano, se Deus quiser voltarei ao Central Park para descobrir mais coisas. Apesar das trilhas serem desertas não existe perigo de assalto. É ou não é um paraíso?

c-torre4

 Neste lago temos tartarugas e patos dividindo suas coreografias (Foto: Fernando Machado)

I Love New York

Tomar um metrô ou um trem no Grand Central Terminal, em Manhattan, Nova Iorque, é um verdadeiro tour pela beaux-arts. Esse terminal inaugurado em 1903 com o nome de Grand Central Station, fica localizado na Rua 42 com a Park Avenue. Ela é considerada a maior estação ferroviária do mundo, com 44 plataformas, em dois níveis, com 41 linhas no nível superior e 26 no inferior. Em média, 125 mil usuários passam por ela todos os dias.

c-central-station-dentro 

A suntuosidade do Grand Central Terminal (Foto: Fernando Machado)

 O Grand Central Terminal ia ser demolido quando a ex primeira dama Jacqueline Kennedy lutou para que isso não acontecesse. Ela arregimentou recursos junto aos empresários da cidade para restaura-lo. O Vanderbilt Hall é um verdadeiro colírio para os nossos olhos. Entre as atrações do GCT estão o relógio dourado de quatro lados que fica exposto no Main Concourse e as constelações do zodíaco invertidas pintadas no teto por Paul Helleu, mais de 2.500 estrelas sendo 60 delas iluminadas por fibras ópticas.

c-central-station-dentro2

 Aqui neste colosso ficam as bilheterias (Foto: Fernando Machado)

 Ainda temos as escadarias, no estilo Beaux-Arts, é bom lembrar que no projeto original sempre existiram duas escadarias, mas quando o Grand Central foi inaugurado no dia 2 de fevereiro de 1913 apenas uma escadaria estava lá, não se sabendo exatamente o motivo pelo qual a outra não fora construída. Contudo, após a restauração do prédio, a segunda escadaria foi feita. Lindos também são os enormes candelabros que caem sobre os usuários. E a escultura de Mercúrio, criada pelo artista francês, Jules-Alexis Coutan que fica na entrada sul, fora do edifício, é algo sensacional.

c-central-station-frente3

 Esta aguia esta atenta aos usuarios da GCS (Foto: Fernando Machado)

Para quem pensar acabou lembramos o restaurante Grand Central Oyster Bar and Restaurant, o bar Campbell Apartment, construído por John Campbell originalmente para servir de escritório na década de 1920, o New York Transit Museum Gallery & Store, a Whispering Gallery, o Kissing Room, também conhecido como Biltmore Room, localizado abaixo do famoso Biltmore Hotel, atualmente Bank Of America, antigamente celebridades, políticos e soldados desciam dos trens para encontrar lá as suas amadas.

c-central-station-hall

 E dificil escolher qual e o mais belo. Os lustres ou o teto (Foto: Fernando Machado)

Na praça de alimentação temos o Campbell Apartment bar, o restaurante italiano Cipriani Dolci, (www.cipriani.com), a lanchonete Métrazur (Métrazur Online), a churrascaria Michael Jordan’s The Steak House N.Y.C.: (www.michaeljordansnyc.com) e o restaurante Oyster Bar & Restaurant, muito famoso por servir uma grande variedade de frutos do mar (www.oysterbarny.com). Puxa lembrei muito da nossa Rodoviária no Curado. Que diferença, meu Deus.