Fernando Machado

Blog

Perfil do Consumidor: Sonia Gonçalves Lima

A focalizada deste domingo é a bacharel em Direito pela UFPE Sônia Gonçalves Lima, filha do cientista Oswaldo Gonçalves Lima e da arquiteta e professora universitária Honorina Souza Lima. Incursionou no curso de jornalismo da Unicap, mas teve que abandonar, pois foi trabalhar no Rio de Janeiro. Quando criança morou no México onde fez o curso primário e faturou o primeiro lugar na escola Margarita Salinas.

sonia-goncalves-lima
A poetisa Sonia Gonçalves Lima (Foto: Cortesia)

Desde adolescente que tinha veia poética, porém somente em 1970 lançou o primeiro livro, chamado De Repente. Em 2007, Sonia lançou seu último livro intitulado Temas. Sua mãe não admitia que as filhas apenas estudassem, tinha que aprender a cozinhar e bordar. E por conta disso Sonia é uma excelente quituteira. Adora preparar cassoulet, arroz de Braga e muitos pratos da gastronomia pernambucana.

Um (a) poeta que a história guardou – Mário Quintana e Manuel Bandeira

Um (a) poeta que a história vai guardar – Jacy Bezerra e Angelo Monteiro

Qual o livro de poesia que gostaria de ter escrito – Inventário do Fundo do Poço de Jacy Bezerra

Qual a maior invenção do homem – A escrita

Qual a pior invenção do homem – A bomba atômica

Um livro de cabeceira – Os livros de Agatha Christie (tem todos eles em Ingles, francês e portugues)

Um escritor (a) – Somerset Maugham

Comida preferida – Peixada pernambucana

Comida que detesta – A estragada

Um restaurante preferido – Leite

O que não pode faltar na sua geladeira – Iogurte natural

Um filme inesquecível – Melodia Imortal

Um ator – Gary Cooper

Uma atriz – Bette Davis

Uma música inesquecível – Le lac de Come

Um cantor – Elizeth Cardoso

Uma cantora – Dick Farney

Qual o seu destino turístico preferido – Paris

O ponto turístico do Recife que recomendaria ao turista – Marco Zero para observar as esculturas de Francisco Brennand

Com quem gostaria de se esbarrar numa noite de autógrafos – Cecília Meirelles

A palavra mais bonita na língua portuguesa – Amor

E a mais feia – Ódio

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.