Fernando Machado

Blog

Pausa Poética

“Eu sou tão acanhado, / Vou-me embora; não fico mais aqui… / Eu bem que não queria recitar: / Mas toda gente disse assim: / – Recife! / Eu não sei como, vim aqui parar”. Eustorgio Wanderley (1882/1962)

 

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.