Fernando Machado

Blog

Variedades

A história da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém e a do figurinista Victor Moreira quase se confundem. Fruto dessa relação, o artista ganhou um documentário chamado de Victor Vai Ao Cinema, com direção de Albert Tenório e produção do coletivo independente Alastrado Produções. O curta metragem foi exibido, ontem, no II Festival de Cinema do Paranoá, em Brasília.

O figurinista Victor Moreira (Foto: Divulgação)

Rodrigo Torres e Sandro Sant’Ana no Pólo Marginal (Foto: Miguel Igreja)

O Grupo de Teatro de Rua Loucos e Oprimidos da Maciel apresenta hoje, às 19h, no Alto José do Pinho, a Pólo Marginal – Opereta de Rua – Circulação Urbana, baseado na obra do jornalista Marco Pólo Guimarães, remanescente da geração de 65, com as músicas do grupo Ave Sangria. Amanhã o grupo estará às 17h, se apresentando no Parque Capibaribe, em Camaragibe.

 

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.