Fernando Machado

Blog

Alda: Miss Pernambuco de 1965

Hoje faz 50 anos que o Sport ganhava o titulo de Miss Pernambuco. E coube esta proeza a Alda Maria Simonetti Maia, que foi coroada por Ana Maria Costa, Miss Pernambuco de 1964. O festival da beleza pernambucana aconteceu nos salões do clube rubro-negro. Em segundo lugar ficou Helena Viana de Garanhuns e em terceiro a representante de Limoeiro Maria Lucia Caldas.

helena-alda-lucia

Helena, Alda e Maria Lúcia. Alda by Victor Moreira (Fotos: O Cruzeiro e acervo do blog)

A comissão que escolheu Alda estava formada pela primeira dama do Recifre Ieda Lucena, o coronel José Costa Cavalcanti, o almirante Francisco Duque Guimarães, o cônsul da Argentina Ornaldo Carrena, o compositor Capiba, o presidente do Internacional José Sales Filho, o teatrólogo Valdemar de Oliveira , a senhora Sônia Guerra, filha do governador Paulo Guerra e o cronista social Alex.

alda-ana-maria-costa-diário-da-manhã

Alda Maria quando recebia a faixa de Ana Maria Costa (Foto: Diário da Manhã)

No intervalo dos desfiles, de vestido de noite e maiô, aconteceu um show do cantor Adilson Ramos. Participaram do concurso Nicienne Arruda (Clube da Imprensa de Pernambuco), Laurilúcia Ferreira de Araújo (Jóquei Clube de Pernambuco), Helena Viana (Garanhuns), Maria Lúcia Caldas (Limoeiro), Alda Maria Simonetti Maia (Sport) e Socorro Santana (Vitória de Santo Antão).

alda-heme-pessoa-alda-maria-simonete-maia

O personal trainer Hemê Pessoa ao lado da pupila Alda Maria e dos amigos (Foto: Acervo do blog)

Alda Maria Simonetti Maia, que nasceu em São Paulo, tinha 1m64 de altura e usou um modelo do estilista Jurandy, confeccionado pela costureira Inês Peixe. A nova Miss Pernambuco já tinha participado de dois concursos de beleza, antes. Em 1964 disputou o Miss Sergipe, representando os universitários e ficou em terceiro lugar e em 1963 participou do Miss Rio Grande do Norte, como Miss Goianinha, ficando em quarto lugar.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.