Fernando Machado

Blog

Pausa poética

“Brasil, meu Brasil Brasileiro, / Meu mulato inzoneiro, / Vou cantar-te nos meus versos: / O Brasil, samba que dá / Bamboleio, que faz gingar; / O Brasil do meu amor, / Terra de Nosso Senhor. / Brasil!… Brasil!… Prá mim!… Prá mim!…” Ary Barroso

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.