Fernando Machado

Blog

Categoria teatro

Réquiem para Marilene Silva

É com tristeza que comunicamos o falecimento, ontem em Macaé, no Rio de Janeiro, da cantora, atriz e advogada Marilene Silva. Um dos grandes nomes do nosso rádio, Marlene Pereira da Silva nasceu em Viçosa, Alagoas, em 7 de fevereiro de 1935. Começou cantando na Radio Difusora de Alagoas. Mocinha veio para o Recife e foi até a Radio Jornal do Commercio para fazer um teste. Foi aprovada e coube a Amarílio Nicéas mudar seu nome para Marilene Silva.

Marilene Silva, um nome que a historia guardou (Foto: Divulgação)

Começou como cantora e depois virou radioatriz. Quando a TV Jornal do Commercio foi inaugurada foi trabalhar no Canal 2. Atuou no programa Você Faz o Show de Fernando Castelão. Depois foi para a TV Rádio Clube, porque começou namorar Paulo Pessoa de Queiroz. Em 1970 trocou o Recife pelo Rio de Janeiro, onde concluiu seu curso de Direito, iniciado na Unicap. Em 1983, se casou com Paulo. Desde ontem que Marilene foi se encontrar com o amor de sua vida.

A nova Paixão do Recife

Termina hoje, às 18h, no Marco Zero, a encenação Jesus, a luz do Mundo – A nova Paixão do Recife, produzida Associação dos Produtores de Artes Cênicas de Pernambuco. Mais de 43 atores e 10 figurantes participam da peça. E não esquecer que é aberto ao publico.  Vinte profissionais irão compor a equipe técnica. O texto e a direção são de Carlos Carvalho.

Cristo e a santa ceia (Foto: Divulgação)

O Cristo está sendo interpretado por Bruno Garcia, o Diabo por Germano Haiut e Herodes por Sergio Gusmmão, Angélica Zenith (Maria), Daniela Travassos (Madalena), Ivo Barreto (Judas), Carlos Lira (Pilatos). Os figurinos são de Manoel Carlos, os cenários levam a assinatura de Célio Pontes e Eron Villar assume a iluminação e assistência de direção. A trilha sonora é do maestro José Renato.

Paixão de Cristo de Nova Jerusalém

Termina hoje a temporada 2019 da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém realizada em Brejo da Madre de Deus. Segundo a produção a média diária de público tem sido de 6 mil pessoas. O maior número de pessoas foi registrado na estreia, quando cerca de 10 mil pessoas estiveram presentes à cidade teatro.  A maioria do público vem do Nordeste, com destaque para Pernambuco e estados vizinhos.

Carlos Reis, Juliano Cazarré e Lúcio Lombardi (Foto: Bruno Lopes)

De acordo com a pesquisa de realizada com o público, cerca de 74% dos pesquisados consideram o espetáculo ótimo ou bom e o restante não opinou. Além disso, cerca de 50% do público já assistiu a Paixão pelo menos uma vez. Ao longo dos seus mais de 50 anos de história, a Paixão de Cristo já registra um público acumulado de aproximadamente 4 milhões de expectadores.

Paixão de Cristo de Camaragibe

Com o foco de manter a tradição histórica trazendo a cena outros debates do mundo contemporâneo, a Paixão de Cristo de Camaragibe, conhecida como A Paixão dos Camarás, trará, mais uma vez, adaptações inovadoras entre as apresentações do estado. O evento, que em 2019 completa 12 anos de existência, acontecerá de hoje até domingo, às 19h30, na Praça de Eventos, no bairro da Vila da Fábrica. Participam do espetáculo 100 atores e figurantes.

Esta cena foi feita por Anderson Souza Leão durante o ensaio de ontem à noite

A direção é de Emanuel David D’Lucard. No elenco temos André Xavier (Jesus), Gabi Lapenda (Maria), Mano Casado (Herodes), Geraldo Cosmo (Judas), Geraldo Barros (Pilatos), Bernardo Jr (Caifás). Mais de 20 mil pessoas são esperadas para os três dias do evento, que é realizado pelo Grupo Teatral Risadinha, Cia Popular de Teatro de Camaragibe e Grupo Artístico Atos, tendo a produção executiva do ator Juvino Agner.

  • 1 2 5